EUA concedem aprovação completa para vacina da Moderna contra Covid-19 em adultos

(Reuters) – A Agência de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) concedeu nesta segunda-feira a aprovação completa à vacina contra Covid-19 da Moderna Inc’s para pessoas com mais de 18 anos, tornando-se a segunda vacina totalmente aprovada para o vírus.

A vacina da Moderna recebeu autorização de uso emergencial nos Estados Unidos em dezembro de 2020, e agora pode ser vendida sob o nome Spikevax. A dose da Pfizer e da BionTech que usa tecnologia similar recebeu aprovação completa dos Estados Unidos ano passado para pessoas com mais de 16 anos, após também ter recebido autorização de uso emergencial.

Quase 75 milhões de pessoas já receberam as vacinas de duas doses da Moderna nos Estados Unidos, segundo dados do Centro de Controle e Prevenção de Doenças.

A vacina da Moderna está liberada para o uso em mais de 70 país, incluindo Canadá e União Europeia.

Em junho de 2021, a empresa pediu para que a vacina recebesse autorização para ser utilizada em pessoas entre 12 e 17 anos, mas a FDA ainda não respondeu.

As vacinas da Moderna e da Pfizer/BioNTech foram associadas a raros casos de inflamação cardíaca, chamados de miocardite, especialmente entre homens jovens.

Alguns estudos sugeriram que a vacina da Moderna tem uma probabilidade maior de causar o efeito colateral do que a dose da Pfizer/BioNTech.