Ministério da Saúde recomenda uso de máscara após alta de casos de covid

A Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde voltou a recomendar, no domingo (13), o uso de máscaras para conter o avanço da covid-19 no país. Segundo a entidade, o número de novos casos da doença aumentou 134% em uma semana, sobretudo devido à circulação da nova sub variante da ômicron, a BQ.1.

“Ao avaliar a variação percentual entre os casos novos de covid-19 notificados na Semana 45 comparados aos da Semana 44, identifica-se que 21 unidades federativas apresentaram aumento, com destaque para Maranhão, Sergipe, Rondônia, Rio de Janeiro, Paraíba, Goiás, Roraima, Amapá,Rio Grande do Norte e Distrito Federal”, disse a secretária.

Na nota, a entidade reforça que o uso da máscara é altamente recomendado para pessoas com fatores de risco, em especial imunodeprimidos, idosos, gestantes e pessoas com múltiplas comorbidades. O item de proteção também deve ser utilizado por aqueles que tiveram contato com infectados, bem como em locais fechados e mal ventilados.

É aconselhado ainda a higienização frequente das mãos com álcool 70% ou água e sabão e a adesão ao ciclo completo da vacinação, com atenção para a aplicação das doses de reforço.

Informações SBT News