Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Abe chama míssil do Norte de intolerável e Trump diz estar 100% ao lado do Japão

O presidente dos EUA, Donald Trump, em uma declaração em resposta ao lançamento de mísseis da Coreia do Norte, não deu nenhuma indicação de como os EUA responderiam, mas disse que seu país está 100% aliado com o Japão.

A Coreia do Norte lançou um míssil enquanto Trump hospedava o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, em sua propriedade na Flórida. Em uma breve aparição conjunta, Abe disse que o lançamento de mísseis é "absolutamente intolerável" e exortou a Coreia do Norte a "cumprir plenamente as resoluções de segurança pertinentes da Organização das Nações Unidas, ONU".

Em uma rápida coletiva de imprensa no fim do sábado nos EUA, Trump falou apenas uma frase apoiando o Japão e não sinalizou nenhum plano de retaliação. "Eu só quero que todo mundo entenda e saiba perfeitamente que os Estados Unidos estão ao lado do Japão, é um grande aliado, 100%".

Nenhum dos dois responderam as perguntas de repórteres, que foram chamados rapidamente para uma coletiva. Trump disse na sexta-feira que o governo dos EUA e o Japão trabalharão em conjunto para defender "contra os mísseis e a ameaça nuclear da Coreia do Norte".

A Coréia do Norte lançou o míssil em sua costa leste às 7h55 da manhã deste domingo, horário de Seul (22h de Brasília), no qual as autoridades no Japão e na Coreia do Sul viram como uma provocação e um teste a respostas dos EUA e do Japão. Fonte: Dow Jones Newswires.