Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

EUA: Câmara não deve eliminar dedução de impostos sobre propriedades

O presidente do comitê de redação fiscal da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, Kevin Brady, disse neste domingo que está confiante de que a Câmara não acompanhará a proposta do Senado de eliminar a dedução de impostos sobre propriedades. A divergência pode ser problemática, porque republicanos na Câmara e no Senado pretendem colocar um projeto de reforma tributária na mesa do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, antes do Natal.

O Partido Republicano está se mobilizando rapidamente para avançar na primeira reescrita do código tributário dos EUA em três décadas, mas algumas diferenças prometem complicar o esforço. A proposta da Câmara permite que os proprietários de imóveis deduzam até US$ 10 mil em impostos sobre propriedades, enquanto a proposta do Senado revelada pelos líderes republicanos na semana passada elimina toda a dedução.

A dedução é particularmente importante para residentes de Estados com altos valores de propriedade ou altas cargas tributárias, como Nova Jersey, Illinois, Califórnia e Nova York. Brady disse que trabalhou com os legisladores nesses Estados para garantir que a proposta da Câmara "entregue esse alívio" e se comprometeu a garantir que permaneça no pacote final. "É importante garantir que as pessoas fiquem com uma parcela maior do que recebem, mesmo nesses Estados de alta tributação", disse Brady (Partido Republicano, Texas), durante uma participação no programa "Fox News Sunday". Fonte: Associated Press.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo