Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

EUA: Ordem ilegal de ataque nuclear não será levada adiante, diz general

(Foto: Pinterest) - EUA: Ordem ilegal de ataque nuclear não será levada adiante
(Foto: Pinterest)

O responsável pelo Comando Estratégico dos Estados Unidos, General da Aeronáutica John Hyten, afirmou neste sábado que uma eventual determinação do presidente norte-americano, Donald Trump, ou de um de seus sucessores, para lançar um ataque nuclear pode ser rejeitada, se a ordem for considerada ilegal.

Em um fórum internacional de segurança realizado na cidade de Halifax, no Canadá, o militar explicou que já teve conversas sobre a questão com Trump e ressaltou que diria ao mandatário norte-americano não poder levar o ataque ilegal adiante.

"Se a ordem for ilegal, direi: 'Senhor presidente, isso é ilegal'. Sabe o que ele vai fazer? Vai me perguntar: 'O que pode ser considerado legal?'", disse Hyten. "Neste caso, buscaremos alternativas com o mix de ações que temos à disposição para qualquer tipo de situação, é assim que funciona", esclareceu.

As declarações do general ocorrem num momento em que a ameaça de ataque nuclear pela Coreia do Norte segue elevada, enquanto críticos à administração Trump questionam o temperamento do presidente. Os tweets provocativos de Trump contra Pyongyang levantaram temores entre congressistas do partido Democrata de que Trump estaria incitando uma guerra com a Coreia do Norte.

"Parece que algumas pessoas acham que somos estúpidos. Não somos pessoas estúpidas. Pensamos muito sobre estas questões. Quando se tem essa responsabilidade, como é possível não pensar sobre isso?", questionou Hyten, repetindo que não obedecerá uma ordem ilegal. "Você pode ir para a cadeia pelo resto da vida", completou o general. Fonte: Associated Press.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo