Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Premiê italiano se diz otimista com referendo sobre reforma constitucional

(Foto: Tiberio Barchielli/ Palazzo Chigi) - Premiê italiano se diz otimista com referendo sobre reforma
(Foto: Tiberio Barchielli/ Palazzo Chigi)

O primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi, disse estar otimista de que o voto pelo "sim" vença o referendo do dia 4 de dezembro, que decidirá sobre uma reforma constitucional do país.

Entre as mudanças propostas por Renzi na reforma está uma mudança no sistema parlamentar da Itália e o cancelamento de alguns dos poderes atuais do Senado. Segundo o governo, a reforma pode acelerar o processo legislativo e deixar as gestões mais estáveis. Na prática, as mudanças acabam dando mais poder ao governo.

O premiê, que costuma se referir a essas mudanças como "a mãe de todas as reformas" prometeu renunciar ao cargo se o voto pelo "não" vencer. O gesto levantou preocupações com uma nova era de incerteza política, que poderia fazer partidos populistas ganharem poder.

Durante meses, as pesquisas mostraram o "não" à frente do "sim", com a maior parte delas prevendo 54% dos votos contra a reforma. No entanto, uma grande parte dos italianos ainda está indecisa, o que deixa o resultado muito volátil. Fonte: Dow Jones Newswires.