Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Trump negocia encerramento de acusações de fraude na Trump University

O presidente eleito Donald Trump está em negociações avançadas para encerrar acusações na Califórnia e em Nova York sobre alegações de fraude na extinta Trump University, de acordo com pessoas próximas ao assunto. O acordo encerraria uma grande dor de cabeça legal no momento em que ele se torna presidente dos Estados Unidos.

Os estudantes que se sentiram lesados acusam o empresário de ter mentido ao prometer que os seminários da Trump University iriam ensiná-los as estratégias de sucesso. Ele nega as acusações, afirmando que cada estudante recebeu o equivalente ao que pagou em ensinamentos e que muitos alunos tiveram opinião positiva após o processo.

Advogados que representam todas as partes envolvidas concordaram em negociar um acordo avaliado na casa de US$ 20 milhões a US$ 25 milhões, de acordo com pessoas próximas às negociações. A proposta não é a final, acrescentaram, dizendo que a situação permanece fluida.

Dentro do acordo atualmente negociado, Trump não admitiria ter cometido nenhum crime.

As conversas acontecem ao mesmo tempo em que a equipe de Trump tenta postergar a audiência em um dos casos apresentados na Califórnia, que está marcada para o próximo dia 28. Outras audiências já foram adiadas desde sua eleição, em 8 de novembro.

Durante a campanha presidencial, Trump criticou o juiz Gonzalo Curiel por não ter encerrado o caso, alegando que sua decisão era enviesada por causa de sua "descendência mexicana" e da própria posição em relação aos imigrantes ilegais do país. Curiel nasceu em Indiana. Fonte: Dow Jones Newswires.