Padre é afastado por 30 dias após invasão de paróquia no Paraná

Com a colaboração de TN Online

O padre Geraldino Rodrigues de Proença foi afastado das atividades por 30 dias após o episódio de invasão da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Arapongas, no norte do Paraná.

padre-afastado-invasao-paroquia
Foto: Reprodução/Redes sociais

A informação foi confirmada pela Diocese de Apucarana, informando que o padre está “muito abalado pelo acontecido” e ficará ausente das funções religiosas durante um mês.

Na última quarta-feira (12), uma mulher invadiu a paróquia com uma arma de airsoft e ficou mais de três horas trancada no banheiro. O incidente mobilizou várias equipes da Polícia Militar.

No dia do fato, o padre Geraldino estava na paróquia, mas não se feriu.

Invasão de paróquia em Arapongas

No último dia 12, pouco antes das 10 horas, uma mulher aparentemente em surto invadiu a Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Arapongas. Ela seria apaixonada pelo padre, conforme relataram testemunhas no dia do ocorrido.

O pároco estava no local quando a mulher chegou, mas ele conseguiu perceber a tempo, saiu da igreja e acionou a PM. A mulher, então, se trancou no banheiro e só saiu depois de três horas de negociação.

Ela foi levada para a delegacia e negou que pretendesse ferir alguém. A mulher foi liberada depois de prestar depoimento.

Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!
ENTRAR NO GRUPO
Compartilhe essa matéria nas redes sociais
Ative as notificações e fique por dentro das notícias
Ativar notificações
Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia
Alisha
Alorino
Antônio Carlos
Bianca Granado
Camila Santos
Edvaldo Corrêa
Elaine Damasceno
Fabiano Tavares
Gabriel Pianaro
Giselle Suardi
Guilherme C Carneiro
Mateus Afonso
Mauro Mueller
Oseias Gomes
Papai em Dobro
Tais Targa