Militares do Paraná reforçam efetivo na fronteira com Venezuela

Com a colaboração de Catve

Os militares do 15º Batalhão Logístico de Cascavel, no Oeste do Paraná, vão reforçar o efetivo na fronteira com a Venezuela. As tropas do Exército Brasileiro partiram com destino a Roraima nesta quarta-feira (6).

guerra-venezuela-e-guiana
Reprodução/Catve

Os militares vão dar auxílio nas cidades de Boa Vista e Pacaraima. As tropas serão incorporadas na 1ª Brigada de Infantaria de Selva, que hoje conta com cerca de 2 mil soldados.

Com o aumento das tensões entre Venezuela e Guiana, a ida dos militares do Paraná visa reforçar o efetivo local e intensificar a presença na fronteira.

Ao todo, saíram 16 Guaicurus (viaturas blindadas multitarefa 4×4) de Cascavel. A previsão que a tropa chegue a Roraima em cerca de 20 dias. Militares de outros batalhões do Sul e do Centro-Oeste do Brasil também devem dar suporte na missão.

Veja também:

Com o reforço no efetivo, o Esquadrão de Cavalaria Mecanizado, da 1ª Brigada de Infantaria, evoluirá para um Regimento de Cavalaria Mecanizado. O Exército afirmou que se trata de uma ação estratégica pré-planejada que já constava no Planejamento Estratégico do órgão.

Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!
ENTRAR NO GRUPO
Compartilhe essa matéria nas redes sociais
Ative as notificações e fique por dentro das notícias
Ativar notificações
Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia
Alisha
Alorino
Antônio Carlos
Bianca Granado
Camila Santos
Edvaldo Corrêa
Elaine Damasceno
Fabiano Tavares
Gabriel Pianaro
Giselle Suardi
Guilherme C Carneiro
Mateus Afonso
Mauro Mueller
Oseias Gomes
Papai em Dobro
Tais Targa