Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Após reabilitação, tartaruga volta para a natureza

Após reabilitação, tartaruga volta para a natureza

Uma tartaruga-verde (Chelonia mydas) que recebeu atendimento durante quatro meses no Centro de Reabilitação e Despetrolização de Fauna Marinha, no Litoral do Paraná, foi devolvida para a natureza. A soltura aconteceu na última sexta-feira (8).

O animal foi resgatado após ser “atropelado” por um barco. A hélice da embarcação atingiu, especialmente, o crânio da tartaruga, que passou por uma cirurgia para a retirada do olho direito e fragmentos de osso. Ela ainda recebeu medicamentos para combater infecção, inflamação e dor. Além disso, o curativo era trocado a cada 48 horas.

“O que devemos frisar é que as tartarugas marinhas são símbolo de resistência e adaptabilidade. Animais fantásticos, porém, sem capacidade de defesa contra colisões e outras interações negativas com atividades humanas. Somos nós que precisamos cuidar para reduzir o impacto a elas”, destaca a bióloga e coordenadora do Laboratório de Ecologia e Conservação (LEC), Camila Domit.

Resgate

Casos de mamíferos, tartarugas e aves marinhas encalhados no Paraná devem ser notificados para o Centro de Estudos do Mar, da Universidade Federal do Paraná (UFPR) pelos telefones 0800-642-3341 ou pelo 41 3511-8671.

Colaboração Centro de Estudos do Mar

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo