Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Capivara ‘perdida’ no Água Verde é capturada e transferida para região de mata

(Foto: Colaboração/Martín Gustavo) - Capivara ‘perdida’ no Água Verde é transferida para região de mata
(Foto: Colaboração/Martín Gustavo)

Uma capivara mudou a rotina dos frequentadores do bairro Água Verde nesta quinta-feira (16). O animal foi encontrado em uma região bastante movimentada, próxima à canaleta do expresso da Avenida República Argentina, entre duas vias rápidas. Horas mais tarde o mamífero foi capturado e devolvido ao habitat natural.

Logo no início do dia, por volta das 6h30, funcionários de um posto de gasolina se depararam com o roedor e tentaram protegê-lo do trânsito. Com o passar do tempo, mais pessoas se envolveram na situação e acionaram as autoridades ambientais e de segurança pública.

Vários moradores e frequentadores da região abriram chamados por meio da Central 156, da Prefeitura de Curitiba. A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMMA) não dispõe de um serviço de remoção de animal. Contudo, se tratando de um caso envolvendo um animal de grande porte, com risco de atropelamento, as buscas foram iniciadas.

Segundo a prefeitura, a capivara foi encontrada por uma equipe do Departamento de Pesquisa e Conservação da Fauna às 9h42. O mamífero estava na Rua Guaianazes, na Vila Izabel. Os técnicos da SMMA fizeram as buscas com base nas informações repassadas pelos cidadãos que acionaram a Central 156.

Captura e remoção

O animal precisou ser sedado para não se machucar no processo de captura. A capivara passou por exames e estava em boas condições de saúde. Por se tratar de um macho, uma das hipóteses levantadas pelos técnicos da prefeitura é de que o animal foi expulso do grupo pelo líder do bando.

Depois de se recuperar da sedação, o roedor foi devolvido à natureza na região de mata do Rio Barigui, no Mossunguê. No habitat natural, os técnicos acreditam que o mamífero poderá se reintegrar ao grupo ou encontrar um novo bando.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo