Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Carnês do IPTU começam a ser distribuídos em fevereiro

(Foto: Divulgação Prefeitura de Foz do Iguaçu) - Carnês do IPTU começam a ser distribuídos em fevereiro
(Foto: Divulgação Prefeitura de Foz do Iguaçu)

Os carnês do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) começam a ser distribuídos nas casas dos contribuintes a partir de fevereiro. O vencimento para pagamento à vista com desconto ou da primeira parcela vai até 11 de março. A novidade é a ampliação das parcelas. Prefeitura aumentou de oito para nove a quantidade de cotas.

Neste exercício fiscal, o IPTU foi corrigido em 9.69% em comparação ao ano anterior. O valor considera a inflação do período de dezembro de 2017 a novembro de 2018.

Benefícios

Além da ampliação nas parcelas, os contribuintes também possuem direitos a descontos que podem chegar a 25% do valor do imposto. Quem pagar à vista possui 10% de desconto no tributo. Além disso, os moradores também podem se beneficiar com o desconto progressivo que é cumulativo. O morador que vem pagando em dia e em cota única o IPTU recebe a cada ano 2.5% a mais de desconto sobre o valor, podendo chegar  a 25% de redução na Cota Única.

Assim como no ano passado, os contribuintes receberão correspondências em suas residências com as opções de pagamento à vista com vencimento em 11 de março e uma guia com a primeira parcela para a mesma data. Além disso, os carnês serão lançados no site da prefeitura, www.pmfi.pr.gov.br e o contribuinte também poderá, através da inscrição imobiliária, ter acesso aos débitos, optar pelas condições de quitação do imposto e das dívidas e emitir as guias para o pagamento.

Obras

A expectativa é arrecadar em 2019 aproximadamente R$80 milhões de reais, recursos que serão utilizados para a construção de importantes obras e para dar continuidade à transformação na cidade. Segundo o prefeito em exercício, Nilton Bobato, “o governo tem vários projetos estratégicos para acelerar o desenvolvimento. É um dever do município aplicar e investir os recursos do contribuinte para melhorar a vida da população e transformar a cidade”, enfatizou.  

Desde o início da gestão, os recursos do contribuinte estão sendo devolvidos à população através, por exemplo, das construções do CMEI no Três Lagoas, Jardim São Roque e Cidade Nova, reformas em várias escolas tais como a Padre Luigi na Vila C, e Presidente Getúlio Vargas, na Vila Adriana. 

Na área da saúde, importantes obras como as unidades de básicas do Cidade Nova e do Jardim São Roque e a construção do CER IV – Centro Especializado em Reabilitação – reparam dividas históricas com a população. Além da saúde e educação, a cidade está recebendo o maior investimento da história em melhorias na pavimentação asfáltica.

Prefeitura de Foz do Iguaçu

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo