Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Caso Acir: polícia afirma que homem desaparecido foi assassinado pelos suspeitos; corpo ainda não foi encontrado

(Foto: Reprodução/Facebook) - Delegado afirma que homem desaparecido foi assassinado
(Foto: Reprodução/Facebook)

A Polícia Civil (PC) assumiu que Acir Roberto de Almeida foi assassinado. O homem, morador de Guarapuava, está desaparecido há quase quarenta dias. O anúncio feito pelo delegado Bruno Miranda, na manhã desta terça-feira (8).

O policial afirmou que as investigações indicam que o homem foi sequestrado, assassinado e teve o corpo ocultado pelos suspeitos. Para a PC, Almeida foi morto depois que contou para um vizinho – que está preso – que tinha R$ 100 mil em uma agência bancária.

A vítima teria sido sequestrada pelo suspeito, que fez montagens amadoras no perfil do homem. O delegado afirmou que pediu a prorrogação de oito pessoas, que foram detidas por envolvimento no caso.

A identidade dos suspeitos ainda não foi divulgada pela polícia.

Colaboração RSN

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo