Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Clima colabora e começa colheita da uva em Marialva

Clima colabora e começa colheita da uva

A colheita de uva começou em Marialva (a 17 quilômetros de Maringá) e os produtores estão otimistas depois de um 2015 de queda na produção e problemas com o clima. Se ano passado eles tiraram de oito a nove toneladas por hectare, em 2016 devem chegar a 15 toneladas.

Marialva, conhecida como capital da uva fina, é responsável por 30% da produção no Paraná. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o estado é o quarto em produção de uva, respondendo por 6% da produção nacional.

Desde 2010, os agricultores de Marialva enfrentam problemas com o clima, mas em 2016 tiveram uma trégua. O produtor Francisco Reginaldo Franzin contou que no ano passado choveu muito perto da colheita, por isso, a fruta ficou aguada, com pouco sabor. Este ano, o clima colaborou e a uva está doce e mais pesada.

A produção vai acelerar na segunda quinzena de dezembro e tem destino certo: as ceias de Natal e Ano Novo.

Números

O secretário municipal de Agricultura de Marialva, Valdinei Cazelato, contou que o boom da construção civil fez várias pessoas deixarem os parreirais, por isso, os 900 hectares destinados à uva na cidade caíram para 600 em três anos.

Se o clima ajudou para uma boa colheita este ano, a preocupação vem da crise econômica, mas as festas de fim de ano devem aumentar as vendas. Clóvis Demori, produtor no Rio Grande do Sul, por exemplo, veio até Marialva comprar frutas, pois sua colheita só começa no fim do ano e ele precisa se abastecer para agradar os clientes.

Colaboração Brenda Caramaschi e Alex Magosso da Rede Massa

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo