Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Criança indígena com sintomas de Guillain-Barré é levada a Campo Largo

(Foto: Colaboração/BPMOA/SAMU) - Criança indígena com sintomas de Guillain-Barré é levada a Campo Largo
(Foto: Colaboração/BPMOA/SAMU)

Uma criança indígena - que seria de uma tribo de Laranjeiras do Sul – e que apresentou sintomas da doença de Guillain-Barré, foi transportado na sexta-feira (22) em um atendimento do Bpmoa e do Samu dos Campos Gerais, para o Hospital Infantil Waldemar Monastier, em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba.

O pequeno, que a princípio sentiu medo do voo, recebeu atendimento ‘personalizado’ e, no colo do enfermeiro, pode sentir tranquilidade e até aproveitar a vista.

A criança segue internada na unidade. Ele apresentou quadro de redução e força-motora e formigamento.

(Foto: Colaboração/BPMOA/SAMU)(Foto: Colaboração/BPMOA/SAMU)

O que é?

A síndrome de Guillain-Barré é um distúrbio autoimune, caracterizado quando o sistema imunológico do próprio corpo ataca parte do sistema nervoso. É geralmente provocado por um processo infeccioso anterior e manifesta fraqueza muscular, com redução ou ausência de reflexos. Várias infecções têm sido associadas à Síndrome de Guillain Barré.

Colaboração Ingrid Pacheco/Rede Massa/ BPMOA/Samu

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo