Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Crianças terão palestra para prevenção de doenças do Aedes aegypti

Foto: PAHO/WHO  - Crianças terão palestra para prevenção de doenças do Aedes aegypti
Foto: PAHO/WHO

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Coordenação de Controle de Endemias, promove, nesta quinta-feira (12), das 9 às 10h30, uma palestra com as crianças atendidas pelo Projeto Viva a Vida, no Conjunto Habitacional Mister Thomas, região leste da cidade. Será na rua João Rodrigues Martini, 155. A iniciativa irá atingir 18 alunos, com idade entre 6 e 13 anos.

Segundo a educadora em Endemias, Lucimara Vasconcelos, o objetivo é conscientizar as crianças sobre a prevenção de doenças provocadas pelo Aedes aegypti, como a dengue, zika vírus e febre chikungunya. “Falaremos sobre a importância de armazenar corretamente o lixo, para que ele não se torne criadouro para o mosquito. Consequentemente, vamos abordar outras doenças que podem se provocadas pelo acúmulo inadequado do lixo”, adiantou.

Para tornar a palestra mais lúcida, serão levados o larvário - que demonstra o ciclo do Aedes aegypti, com o ovo, a larva, a pupa e o mosquito adulto – a maquete do quintal certo e o errado, além de materiais lúdicos, que simbolizam criadouros.  Segundo Lucimara, após a atividade teórica será proposta uma ação prática no local, possivelmente de reconhecimento e recolhimento de objetos que podem se tornar criadouros para o Aedes.

Unidades escolares, empresas e outras instituições que queiram levar as atividades educativas realizadas pela Coordenação de Endemias para seus estabelecimentos, podem entrar em contato por meio do 0800-400-1893, das 8 às 17 horas, ou pelo e-mail educaendemias@saude.londrina.pr.gov.br. O mesmo telefone do Disque Dengue também recebe dúvidas e denúncias de possíveis focos do mosquito.

LIRAa – A Secretaria Municipal de Saúde está elaborando o 3º Levantamento Rápido de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa) de 2018. Na semana passada, de 2 a 6 de julho, foi concluído o trabalho de campo, onde são recolhidos, para avaliação, possíveis focos do mosquito em cerca de nove mil imóveis residenciais e comerciais, além de construções e terrenos baldios, de 201 localidades da zona urbana. A previsão é de que os dados sejam divulgados dentro de duas semanas.

Números da dengue – A Secretaria Municipal de Saúde divulgou, nesta quarta-feira (4), o boletim semanal com os dados sobre a dengue em Londrina. Do início do ano até o momento, foram registradas 1.702 notificações relacionadas à doença. Deste total, 15 casos foram confirmados, 1.535 descartados e outros 152 estão em andamento, aguardando o resultado de exames laboratoriais.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo