Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Dono de loja de música é preso por vender instrumentos roubados

A Polícia Civil prendeu o dono de uma loja de instrumentos musicais, no Centro de Curitiba, na terça-feira (19). O homem é suspeito de receptar e vender produtos furtados. Ao todo, foram apreendidos 14 baixos, sete guitarras, dois equalizadores e um processador de efeitos.  

Dono da loja comprava e vendia os instrumentos sem nota fiscal (Foto: Elisa Rossato/Rede Massa)Dono da loja comprava e vendia os instrumentos sem nota fiscal (Foto: Elisa Rossato/Rede Massa) 

Eduardo Mtanios Georgios, 47, é dono do estabelecimento, que funciona há 18 anos. Ele já tinha passagem pela polícia pelo mesmo crime e confirmou aos policiais que comprava os instrumentos sem nota fiscal por preços mais baixos. Além disso, aceitava instrumentos como entrada na compra de outros produtos. Com isso, o preço repassado ao consumidor também era menor.   

A polícia foi até o local depois que o dono de um baixo reconheceu o instrumento, que estava em exposição na loja, e fez uma denúncia. De acordo com o Boletim de Ocorrência, o objeto tinha sido furtado em novembro de 2016, em Colombo. O aparelho foi devolvido ao dono. 

Instrumentos podem ser resgatados

De acordo com o Delegado Pedro Felipe de Andrade, que cuida do caso, os instrumentos foram recolhidos e estão à disposição dos donos verdadeiros. "A gente quer que outras eventuais vítimas identifiquem seus instrumentos e venham à delegacia para fazer o registro e resgatá-lo", comentou.  

Na delegacia, o suspeito não quis falar. Ele vai responder pelo crime de receptação qualificada. A pena varia de dois a oito anos de prisão.

Colaboração Bruno Previdi e Elisa Rossato/Rede Massa