Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Em perseguição pela PR-444, PM de Mandaguari prende trio acusado de roubos

Em uma perseguição pela PR-444, a Polícia Militar de Mandaguari prendeu três homens acusados do roubo de um carro em Arapongas. Eles negaram envolvimento no crime, porém, foram reconhecidos pela vítima e ainda estavam com duas armas.

A Polícia Militar de Mandaguari recebeu a comunicação do roubo de um Fiat Palio em Arapongas. Os bandidos teriam fugido pela PR-444 com um Fiat Uno azul, carro que foi avistado no limite com Apucarana, próximo a uma ponte.

Os ocupantes receberam ordem para que parassem, mas não obedeceram, seguiram caminho e, ao ganharem distância, lançaram as duas armas no acostamento – uma pistola 9 mm com dez munições e um revólver calibre 38 com cinco, ambos da marca Taurus.

Somente quando estavam sem as armas, eles estacionaram e acataram a abordagem, pensando possivelmente que não seriam incriminados. Porém, dentro do carro, os policiais encontraram presilhas plásticas usadas para amarrar as vítimas e também fita adesiva, utilizada para amordaçar.

Em buscas pelo acostamento por cerca de três quilômetros, os policiais apreenderam o revólver, a pistola e também um celular roubado. Levados à delegacia, descobriu-se que um dos rapazes – Michael Amaral Machado – levava no braço um caro relógio. O objeto foi roubado em uma revendedora de veículos de Mandaguari, durante um violento assalto ocorrido há cerca de dez dias, com o roubo de um Honda Civic.

Michael, com antecedentes por homicídio e roubo, e João Paulo Machado Lopes são de Santa Catarina, sendo que Lopes inclusive é foragido de Itajaí, onde cumpre pena por roubo. Apenas Patrick Vieira de Lima não tem passagens.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo