Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Guardas municipais são suspeitos de agredir moradores de rua; MPPR investiga o caso

(Foto: Reprodução) - MP investiga guardas municipais suspeitos de agredir moradores de rua
(Foto: Reprodução)

Guardas municipais de Maringá estão sendo investigados pelo Ministério Público do Paraná (MPPR), suspeitos de agredir moradores de rua da cidade. A denúncia foi realizada depois que um homem confessou, em uma audiência pública, que levou chutes dos servidores.

A audiência aconteceu em 21 de outubro de 2018 e foi promovida pelo Observatório das Metrópoles, da Universidade Estadual de Maringá, em parceria com a Assistência Social da cidade.

Ana Lúcia Rodrigues, coordenadora da organização, afirmou que os moradores eram xingados e agredidos nas praças. A representante afirmou que as violências diminuíram depois que o caso foi divulgado pela mídia.

A Secretaria de Segurança Pública foi procurada e não se manifestou sobre o caso. A Prefeitura de Maringá também foi questionada e afirmou que está apurando as informações. 

Caso as agressões sejam comprovadas, os guardas podem responder por improbidade administrativa. Ainda não há informações sobre os investigados.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo