Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Homem é condenado a quase 14 anos de prisão por tentativa de feminicídio

(Foto: Ilustração / Pixabay) - Homem é condenado a prisão por tentativa de feminicídio
(Foto: Ilustração / Pixabay)

O Tribunal do Júri de Maringá condenou a 13 anos, dez meses e 13 dias de reclusão e mais um mês e dez dias de detenção um homem acusado de ameaçar e tentar matar a ex-companheira e a mãe dela, usando um taco de baseball. O crime ocorreu em julho de 2016 na Vila Santo Antônio, em Maringá.

Na decisão do corpo de jurados, o réu foi considerado culpado pela prática de tentativa de homicídio qualificado por motivo cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima e feminicídio, com relação à ex-companheira, bem como por tentativa de homicídio qualificado por motivo cruel e recurso que impossibilitou a defesa da vítima com relação à sogra, além de uma ameaça proferida no dia do crime, quando o acusado afirmou categoricamente que mataria a ex-companheira.

A denúncia foi oferecida pela 19ª Promotoria de Justiça de Maringá, tendo atuado no júri o promotor titular da 22ª Promotoria de Justiça da comarca, ambas especializadas em violência doméstica contra a mulher. A pena deverá ser cumprida inicialmente em regime fechado. O acusado está preso preventivamente desde a época do crime e teve negado o direito de recorrer em liberdade.

Do MP-PR