Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Homens matam, incineram corpo e destroem ossos de mulher em Bocaiúva do Sul

(Foto: Divulgação/Polícia Civil) - Polícia procura suspeitos de crime brutal
(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Uma mulher de 46 anos foi vítima de um crime brutal. Foi morta por espancamento e ainda teve o corpo queimado. O caso foi registrado em Bocaiúva do Sul na última semana, mas veio à tona na tarde de segunda-feira (7).

De acordo com as informações confirmadas pelo delegado Mario Sérgio Bradock, a vítima identificada como Célia Valentin foi dada como desaparecida no dia 2 de novembro. “Nós começamos a investigar o desparecimento e chegamos até essa situação”, relatou.

O delegado revelou que o crime aconteceu entre os dias 1 e 2 de novembro. “Quatro homens são suspeitos, um foi preso e os outros seguem foragidos”.

Entre os acusados, está o ex-marido da vítima, identificado como João Paulo Rocha. Os outros suspeitos são: Cleverson Farias, conhecido como “Polaco”; Joel Pires da Silva e Alessandro Ribeiro, sendo que este último, já está preso. “Nós localizamos e prendemos o Alessandro na segunda-feira (7). Não temos ainda informações sobre motivação, estamos atrás dos demais suspeitos”.

O que a polícia apurou até o momento, é que a vítima estava com o ex-marido e os três amigos em um bar. Teria ocorrido um desentendimento e o crime foi consumado. Moradores das proximidades chegaram a ouvir os gritos da mulher. Depois de morta, o corpo foi incendiado e praticamente incinerado. “Eles ainda usaram um rastelo para triturar os ossos”, disse.

(Foto: Divulgação/Polícia Civil)(Foto: Divulgação/Polícia Civil)