Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Irmã é suspeita de ter matado e 'concretado' professora em Santa Helena

Arquivo Massanews - Irmã é suspeita de ter matado e 'concretado' professora
Arquivo Massanews

A Polícia pediu prisão temporária da irmã da mulher concretada em Santa Helena, no Oeste do Paraná, nesta semana. O mandado de prisão por homicídio qualificado ainda não foi cumprido, mas expedido desde o último domingo (11). Ela é a principal suspeita do crime.

Janete Boeni, 46 anos, é irmã de Ladis Boeni, 52 anos, professora encontrada morta nos fundos da própria casa no último dia 7. Seu corpo estava coberto por uma lona e concreto. O sobrinho dela estranhou o cheiro ruim e desconfiou que existia um cadáver no local.

A família da moradora não desconfiou do crime pois achou que ela tinha viajado para Cuba com o namorado uma semana antes. A perícia mostrou que havia uma faca cravada no peito dela e indícios de queimadura no rosto e no cabelo, comprovando a violência. 

Ainda não há informações sobre o que teria motivado o crime e quais indícios apontam para a irmã como principal suspeita. A Polícia Civil não quer divulgar mais detalhes para não atrapalhar as investigações. 

Janete Boeni segue sendo procurada pelas autoridades. Quem tiver informações sobre o paradeiro dela, pode ligar anonimamente para o 190 ou 197.