Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Jovem assassinada fazia programa para fazer festa da filha

(Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal) - Jovem assassinada fazia programa para fazer festa da filha
(Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil apreendeu um adolescente que confessou ter assassinado uma jovem de 22 anos na manhã desta terça-feira (13), no bairro Sítio Cercado, em Curitiba. Segundo o delegado Cássio Conceição, da Polícia Civil, Jaqueline Mendes da Silva foi chamada para fazer um programa com dois jovens e foi morta após um desentendimento.

“Eles se encontraram em um bar e de lá foram para a casa dele, onde tiveram uma discussão e ela teria xingado a mãe do suspeito, quando ele se irritou e efetuou o disparo”, declarou o delegado.

A prima da vítima, Nádia de Abreu, afirmou que a jovem fazia programa e estava juntando dinheiro para o aniversário da filha de 8 anos, que faz aniversário nesta terça.

O delegado da DHPP ainda contou com teria acontecido o crime. “Depois de terem matado ela, enrolaram a jovem no cobertor, colocaram no carro e levaram até o local onde ela foi desovada”.

Por ser menor, o autor do crime foi encaminhado à Delegacia do Adolescente, onde foi autuado pelo ato infracional de homicídio qualificado, tráfico de drogas e porte ilegal de arma.

A DHPP segue investigando o caso para identificar o segundo suspeito envolvido no crime.

Com informações de Simone Munhoz/Rede Massa