Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Júri condena réu por morte de agente penitenciário

(Foto: Arquivo Massa News) - Júri condena réu por morte de agente penitenciário
(Foto: Arquivo Massa News)

O Tribunal do Júri de Ponta Grossa condenou nesta terça-feira (8) a 15 anos e seis meses de prisão o réu Marcelo Fernandes Martins da Silva, de 24 anos. Ele foi considerado culpado pelo assassinato do agente penitenciário Emerson Lucas da Cruz, de 39 anos, que aconteceu em março do ano passado.

À época do crime, o agente levou vários tiros quando estava na frente de casa, no Jardim Amália II, e morreu dias depois, no hospital. Marcelo foi preso pouco tempo depois e aguardou o julgamento na Penitenciária Estadual de Ponta Grossa. Ele foi condenado por homicídio qualificado – por não dar chances de defesa à vítima.