Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Manifestantes protestam contra Lei da Terceirização

Manifestantes protestam contra Lei da Terceirização

Centenas de pessoas protestaram na tarde deste domingo (2) no Centro de Curitiba contra a Lei da Terceirização aprovada pelo presidente Michel Temer na última sexta feira (31). A manifestação começou por volta das 15h, na Boca Maldita, e durou cerca de duas horas. A Polícia Militar calcula que cerca de 200 manifestantes participaram do ato. A organização do evento informou que mais de duas mil estavam no protesto. 

O ato reuniu representantes de lideranças sindicais e políticas, além de apoiadores do movimento “Todos contra o fim da aposentadoria”. Um carro de som foi colocado na Boca Maldita para reformar o protesto. A nova legislação aprovada na noite desta sexta feira (31) libera a terceirização pelas empresas até mesmo do serviço principal prestado. Por exemplo, com as novas regras, uma escola pode terceirizar até mesmo os professores.

“Não resta dúvida que liberar a terceirização de forma indiscriminada vai precarizar a situação dos trabalhadores e da economia do país, já que os números provam que terceirizados ganham menos e tem direitos reduzidos. Enquanto penaliza os trabalhadores, (o Governo) não mexe um dedo nos privilégios da elite política e empresarial, mantidos com dinheiro público ”, diz Sérgio Butka, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba.

De acordo com a Força Sindical do Paraná, o movimento está em contato com p Fórum Paranaense de Combate à Terceirização para estudar a possibilidade de entrar com recursos alegando a inconstitucionalidade da nova lei.