Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Polícia Civil investiga desaparecimento de mulher

(Foto: Divulgação) - Polícia Civil investiga desaparecimento de mulher
(Foto: Divulgação)

O desaparecimento de uma mulher de 24 anos em Coronel Vivida (42 quilômetros de Pato Branco) ainda é um mistério para a Polícia Civil. Ana Jussara Antunes desapareceu no dia 23 de outubro e não deu mais notícias. A última vez que foi vista estava na casa do namorado, um homem de 38 anos, que teve a prisão temporária decretada pela justiça a pedido da Polícia Civil. Ele é suspeito de ter assassinado a mulher e ocultado o corpo.

O delegado de Coronel Vivida, Rômulo Contrin Ventrella, afirmou em entrevista à Rádio Vicente Palotti que a prisão temporária do suspeito vence sexta-feira (25), no entanto pretende solicitar a prorrogação para que a investigação não seja prejudicada. Ele revelou que o suspeito nega o crime, apesar de ter revelado que antes do desaparecimento estava com a namorada. Também disse que os dois brigaram e a mulher foi agredida por ele.

Rômulo Ventrella espera que a justiça conceda prorrogação da prisão e também pede o apoio da comunidade para esclarecer o desaparecimento. Qualquer informação pode ser prestada diretamente à Polícia Civil, através do telefone (46) 3232-1299. Não precisa se identificar.

Colaboração Portal RBJ.