Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Primeiro padre do município de Pinhão é ordenado com festa

A paróquia Divino Espírito Santo, em Pinhão, viveu um momento histórico neste fim de semana. Mais de mil pessoas de diversas partes da cidade, da diocese e de outras regiões do Brasil testemunharam e também participaram da primeira ordenação de um sacerdote nascido no município.

Sob o lema “O zelo por tua casa me consome (Jo 2,17)”, padre André Santos Lima recebeu as ordens sacerdotais pelas mãos do bispo diocesano, Dom Antônio Wagner da Silva, em uma cerimônia emocionante e repleta de bons significados para toda a diocese e para a Igreja, conforme grifou o bispo.

Para Dom Wagner, acolher um novo padre na diocese significa que a semente plantada tempos atrás rendeu bons frutos que agora podem ser colhidos à forma de benesses, de amor e de partilha sob as bênçãos de Deus que é união, força e muito amor.

“Olhando para o número um, para uma pessoa em se tratando das dimensões da Igreja, pode parecer pouca coisa, mas não é. O que esta pessoa pode fazer pela comunidade, os resultados que ela é capaz de mostrar enquanto Igreja é, com certeza, extremamente significativo, é motivo de comemoração. Hoje, o padre André deu seu sim para Deus, para a comunidade que deve contar com sua vocação em favor de quem mais precisa, em todas as horas. Padre André é jovem e tem uma disposição incrível. Nossa diocese terá um grande impulso em se tratando de trabalho missionário. Presidir esta ordenação é motivo de muitas graças, de bênçãos para toda a nossa comunidade. O novo padre não pode, de maneira nenhuma, se sentir sozinho. Devemos, enquanto comunidade, rezar sempre para que esta vocação se mantenha latente no coração do sacerdote para que ele continue firme em seus propósitos missionários”, observou Dom Wagner.

Padre André disse agradecer a Deus pelo dom que recebeu e por ter descoberto a vocação desde cedo. “Nosso Deus é um Deus de alegria. O dom de ser padre é motivo de muito contentamento. Eu senti este chamado e respondi com minha vocação. Hoje eu disse sim para o serviço deste ministério. As palavras do Senhor são muito fortes e eu percebo esta força brotar todos os dias em mim e quero ser digno desta confiança que o Senhor em mim depositou através da descoberta desta vocação. Eu peço as orações de todas as pessoas para que eu possa me manter firme neste propósito de servir a Deus através da Igreja”, disse padre André. 

O pároco de Pinhão, padre Valdecir Badzinski, expressou que o momento é muito importante para a Igreja, mas sobretudo, para aquela comunidade e região. Segundo ele, acolher, pela primeira vez a ordenação de um “filho da terra” é sinônimo de alegria, de doação e de partilha. “Para nós, enquanto Igreja, enquanto comunidade é motivo de júbilo, de felicidade e de muitas alegrias o dia de hoje. Nossa paróquia já acolheu outras ordenações, mas nunca de um filho da terra, de alguém que foi nascido e criado aqui. Hoje, o padre André chega para somar forças em resposta a este chamado missionário que ele aceitou”, exclamou o pároco.

Depois da cerimônia de ordenação, os presentes participaram de um jantar no salão paroquial, oferecido pela comunidade em comemoração ao momento considerado ímpar.

Sobre o padre André

André Ricardo Santos Lima nasceu em Pinhão, Paraná, no dia 18 de abril de 1987. É filho de José Jalir de Lima e Marilene Pinto dos Santos. Foi batizado na paróquia Divino Espírito Santo, em Pinhão, no dia 23 de agosto de 1987.

Na adolescência, entrou para o Seminário Diocesano Nossa Senhora de Belém, em Guarapuava e cumpriu seus estudos, passando pelas cidades de Cascavel e Francisco Beltrão. Foi ordenado diácono no dia 05 de março de 2016, na catedral Nossa Senhora de Belém, em Guarapuava, em uma cerimônia presidida pelo bispo diocesano, Dom Antônio Wagner da Silva.

Sua ordenação sacerdotal foi realizada no dia 19 de novembro de 2016, na paróquia Divino Espírito Santo, em Pinhão, sua cidade natal. Dom Wagner, também nesta ocasião, foi quem presidiu a cerimônia e concedeu as ordens sacerdotais ao presbítero.

Atualmente, padre André trabalha na paróquia São Pedro Apóstolo, no município de Nova Tebas e exerce as funções de pároco.

Colaboração Jossan Karsten.