Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Sindarspen pede que Depen realize força-tarefa para evitar surto de sarna no CCP

(Foto: Reprodução) - Sindarspen solicita força-tarefa para evitar surto de sarna no CCP
(Foto: Reprodução)

O Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná (Sindarspen) solicitou, nesta quarta-feira (13), que o Departamento Penitenciário do Paraná (Depen) providencie uma força-tarefa de saúde para contar a possibilidade de proliferação de sarna na Casa de Custódia de Piraquara (CCP). Detentos de São José dos Pinhais foram transferidos para a unidade na última segunda-feira (11), após a Vigilância Sanitária interditar a maior delegacia de cidade por causa de um surto da doença.

Na ocasião, foram transferidos para a CCP 52 presos com sarna, que ficaram isolados em sete contêineres, onde já estavam outros 16 presos que têm outros problemas de pele. Para o sindicato, o isolamento não anula a chance de contaminação para os 100 agentes penitenciários que atuam no local. O Sindarspen também solicitou ao Depen que haja um aumento no número de servidores de saúde fixos na unidade.

Em nota, o Depen informou que "todas as providências necessárias já foram adotadas". Confira a nota na íntegra:

Todos os presos transferidos da Delegacia de São José dos Pinhais para a Casa de Custódia de Piraquara (CCP) foram isolados do restante da massa carcerária, receberam atendimento médico e são acompanhados diariamente pela equipe de saúde da unidade prisional. Ainda, todos os agentes penitenciários lotados na Casa de Custódia, assim como os demais presos, receberam medicação preventiva.

A Secretaria da Saúde já foi informada, por meio da Superintendência de Atenção à Saúde, e também acompanha o caso.

Informações Sindarspen

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo