Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Sindicato protesta contra fechamento de duas agências bancárias em Maringá

Agência Cerro Azul será fechada (Foto: Google Street View) - Sindicato protesta contra fechamento de duas agências
Agência Cerro Azul será fechada (Foto: Google Street View)

O Sindicato dos Bancários de Maringá e Região realiza um protesto nesta segunda-feira (5), a partir das 9h30, contra o fechamento de duas agências do Banco do Brasil, previsto para ocorrer em fevereiro de 2017. 

O ato acontece em frente à agência Catedral, no Novo Centro, e na Cerro Azul, que serão extintas. Os bancários também vão coletar nomes para um abaixo-assinado. Para o presidente do sindicato, Claudecir de Souza, a atitude do banco irá prejudicar funcionários e clientes. “Se atualmente já existem filas, agências lotadas, sobrecarga de trabalho, imagine com o fechamento de duas importantes agências?”, questiona.

Na semana passada, a entidade recorreu ao Procon Municipal contra a reestruturação do banco, anunciada recentemente com o fechamento de agências em todo o país. De acordo com o Banco do Brasil, serão extintas 837 agências, sendo que 379 vão se transformar em postos de atendimentos.

Veja o conteúdo da carta formulada pelo Sindicato dos Bancários de Maringá e Região, que será entregue à população.

Carta

"Funcionários e clientes são os mais prejudicados pela reestruturação do Banco do Brasil, anunciada recentemente. O fechamento de 837 agências em todo o Brasil, sendo que dessas, 379 serão transformadas em postos de atendimento, e a saída de milhares de funcionários por meio de plano de incentivo à aposentadoria irão atingir diretamente o atendimento à população.

Em Maringá as agências Catedral e Cerro Azul serão fechadas a partir do ano que vem.

Se hoje clientes e usuários deste banco já enfrentam filas em determinadas agências e horários, devido ao número insuficiente de funcionários, imagine com a extinção de algumas unidades e saída desse grande contingente de pessoal?

Portanto, este ato realizado pelo Sindicato dos Bancários de Maringá e Região, neste dia, tem como objetivo chamar a sua atenção para esta atitude irresponsável deste banco, que deveria se preocupar mais com o seu papel social, ao invés de olhar somente o lucro.

Além disso, a população e os funcionários do Banco do Brasil não podem pagar o preço pelo caos na economia deixados pelo governo passado e o enorme rombo nas contas públicas, que atingiu todas as empresas públicas, inclusive este banco.

Exigimos respeito aos trabalhadores bancários e a toda a sociedade. Acabar com agências, prejudicar o atendimento à população e sobrecarregar ainda mais o trabalho no banco não é a solução. Queremos emprego decente e boas condições para atender melhor a todos os usuários e clientes deste banco."

Colaboração Assessoria de Imprensa

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo