Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Suspeito de homicídio se apresenta à Polícia Civil

(Foto: Divulgação Massa News) - Suspeito de homicídio se apresenta à Polícia Civil
(Foto: Divulgação Massa News)

O principal suspeito de matar um homem depois de uma discussão em frente a um bar no Jardim Maracanã, em Ponta Grossa, se apresentou nesta segunda-feira (14) à Polícia Civil. Ele confessou o crime, alegou legítima defesa e foi liberado após prestar depoimento. O suspeito foi identificado como José Vaz, que trabalha como mecânico na cidade.

De acordo com o advogado de defesa, Renato Tauille, seu cliente e a vítima tinham uma rixa de pelo menos dois anos. Conforme Tauille, o suspeito prestou um serviço em 2014 para Antônio Carlos Mehret, mas ele não gostou de serviço. Na noite do último sábado (12), os dois voltaram a se encontrar e houve uma nova discussão.

Segundo a versão da defesa, Vaz foi agredido e atirou para se defender dos golpes. Mehret foi atingido por três tiros na cabeça, chegou a ficar internado no Hospital Bom Jesus, mas não resistiu aos ferimentos e morreu neste domingo. A Polícia Civil investiga o caso.