Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Temporal deixa rastro de destruição em Altônia; famílias estão desabrigadas

Temporal deixa rastro de destruição; famílias estão desabrigadas

Pelo menos quatro famílias perderam tudo que tinham após o temporal que atingiu a cidade de Altônia, na tarde de sábado (11). Duas famílias ficaram desabrigadas e tiveram que ser removidas, entre elas, várias crianças com idade entre 7 e 12 anos.

A Defesa Civil interditou as duas moradias, que ficam em um mesmo terreno, devido ao perigo de desmoronamento da fossa séptica que fica no local. Um pessoa cedeu gentilmente uma casa para que as famílias ficassem abrigadas provisoriamente.

Roupas, calçados e alguns móveis também foram doados. A Defesa Civil ainda faz levantamentos, mas pelo menos quatro famílias perderam tudo o que tinham e dezenas tiveram danos em móveis e utensílios domésticos.

Três quarteirões ficaram completamente destruídos, o asfalto, galerias e calçamentos foram arrancados com a força da enxurrada. Várias ruas ficaram completamente interditadas. Os estragos atingiram vários pontos da cidade, especialmente nos bairros, Jardim Panorama, Rota dos Caminhões, Jardim Planalto e Cidade Nova.

Até mesmo uma igreja foi invadida pela enxurrada. A Igreja Missão Nova Vida no bairro Cidade Nova foi completamente alagada. Cadeiras e aparelhos ficaram encharcados. A direção ainda não conseguiu estimar os prejuízos.

A Prefeitura informou que está em ação desde o momento que o desastre natural aconteceu. As ações prioritárias envolvem o socorro às vítimas e a liberação das ruas. O Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil e a Polícia Militar atuam em conjunto com a Defesa Civil do município.

Ajude

Muitas famílias ainda precisam de ajuda e doações, como móveis, roupas, aparelhos, utensílios domésticos e materiais para construção. Quem quiser fazer doações pode entrar em contato com a Defesa Civil de Atlônia pelo fone: 44-99753-3900.

Colaboração: O Bem Dito.