Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Transporte aeromédico para noroeste do Paraná é inaugurado

Foram feitos 13 atendimentos em oito dias (Foto: Pedro Ribas/AEN) - Transporte aeromédico para noroeste do Paraná é inaugurado
Foram feitos 13 atendimentos em oito dias (Foto: Pedro Ribas/AEN)

Em serviço desde 28 de novembro, o serviço aeromédico do Samu foi inaugurado pelo governador Beto Richa nessa quinta-feira (8), em Maringá. Uma empresa terceirizada fornece o helicóptero utilizado por equipes do Samu para o transporte de pacientes em estado grave.

Em oito dias, a aeronave atendeu 13 pessoas. “A instalação dessa base garante mais um importante avanço para a cobertura com serviço aeromédico em todo o território paranaense, garantindo maior agilidade e qualidade no transporte de pessoas”, disse Richa.

Funcionamento

Curitiba, Cascavel, Londrina e Maringá operam com quatro helicópteros, que têm autonomia de voo de 250 quilômetros a partir da base. Também é disponibilizado um avião UTI, que atende a todo o Paraná e possui os equipamentos necessários para dar suporte a pacientes em situação crítica.

Somando os helicópteros, o avião UTI e as demais aeronaves, são quase seis mil atendimentos em seis anos, abrangendo busca de pessoas em locais de difícil acesso (resgate), transferência de pacientes, transporte de órgãos para transplantes e de equipes médicas.

(Foto: Pedro Ribas/AEN)(Foto: Pedro Ribas/AEN) 

Noroeste

De acordo com o secretário da Saúde, Michele Caputo Neto, a base noroeste atenderá os municípios incluídos nas regionais de saúde de Maringá, Cianorte, Umuarama e Paranavaí. “Com isso, ganhamos na agilidade e no fornecimento de um atendimento com equipe qualificada. É na situação de emergência que a população mais precisa de um atendimento rápido e qualificado”, afirmou.

Com o serviço aeromédico, segundo o secretário, o Paraná conquistou o segundo lugar em transplantes e reduziu em 27% os óbitos em acidentes de trânsito.

Colaboração Agência Estadual de Notícias

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo