Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Vandalismo após Athletiba gerou prejuízo correspondente a 8 mil passagens

Athletiba: Vandalismo gerou prejuízo igual a 8 mil passagens

Os estragos causados nos equipamentos do sistema de transporte coletivo de Curitiba após o primeiro Athletiba do ano, em 30 de janeiro, causaram um prejuízo de R$ 38 mil. O valor é correspondente a 8 mil passagens, de acordo com a Prefeitura de Curitiba.

A Urbs entregou nesta segunda-feira (11) o relatório da situação para a Delegacia de Atendimento de Futebol e Eventos (Demafe), que investiga a situação. Ao todo, sete terminais e quatro ônibus foram danificados.

O relatório indica que os terminais tiveram maior prejuízo R$ 37.465,43, especialmente o Terminal do Pinheirinho, onde 40 itens foram danificados nos banheiros, além de catracas. O restante é o para recuperação dos ônibus das linhas Santa Cândida/Capão Raso, Inter 2, Interbairros III e Fazendinha. “O valor daria para comprar 8.815 passagens de ônibus e é o mesmo que a Urbs aplicou para consertar o telhado do Terminal Boqueirão, por exemplo”, divulgou a Prefeitura de Curitiba.

“Foi feita uma avaliação mais aprofundada de imagens e também da identificação de alguns torcedores e tudo isso foi entregue para a Demafe dar prosseguimento à investigação”, disse o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto. “Nosso próximo passo é entrar com uma ação contra os clubes e torcidas organizada para pedir ressarcimento desse prejuízo que não pode ser bancado por quem paga a tarifa”, disse.

Colaboração Prefeitura de Curitiba

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo