Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Vizinhos estão preocupados com aumento de cratera em casa interditada

(Foto: Fábio Matavelli/ Rede Massa)  - Vizinhos estão preocupados com aumento de cratera em casa
(Foto: Fábio Matavelli/ Rede Massa)

Moradores da Vila Catarina Miró, em Ponta Grossa, estão preocupados com a situação de uma casa da região, que está interditada desde o dia 23 de janeiro, após uma cratera se abrir em seu interior. Na situação, um buraco se abriu no chão, que cedeu, derrubando uma idosa que morava na residência.

O problema, porém, é que desde a interdição, nenhuma obra foi feita no local, e com as chuvas, a cratera tem aumentado. Um dos moradores da vila, que divide parede com a casa interditada, contou que toda a vizinhança fica alagada quando chove. Uma paróquia, também vizinha do local, foi desocupada, devido aos riscos e a preocupação de que o muro ceda.

A prefeitura se manifestou afirmando que está acompanhando a situação, e que uma nova avaliação deve ser feita no local pela Defesa Civil nesta semana.

Colaboração Stiven de Souza (Rede Massa)

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo