Corpo de vítima de afogamento é encontrado na Ilha do Rato pelos Bombeiros e BPMOA

Nesta segunda-feira, (18) o Corpo de Bombeiros e o helicóptero do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) encontraram o corpo de uma vítima de afogamento, próximo à Ilha do Rato. O corpo, reconhecido pelos familiares, é de um jovem de 20 anos, que na manhã de domingo, (17) submergiu na região do trapiche da Praia Mansa, em Matinhos. O reconhecimento aconteceu na Base Náutica de Guaratuba.

A região onde aconteceu o afogamento do homem é próxima ao local onde uma menina, de 14 anos, também se afogou na tarde de sexta-feira, (16). O local é uma área não protegida por Guarda-Vidas, ou seja, os veranistas devem evitar entrar no mar nessa região, devido aos riscos que existem, como correntezas ou buracos que não são perceptíveis aos banhistas. A menina ainda não foi encontrada.

As buscas pelo rapaz duraram todo o domingo, com varreduras no mar de embarcações, guarda-vidas e o helicóptero do BPMOA. Os trabalhos pararam ao anoitecer, por questões de segurança das equipes de resgate e pela falta de visibilidade. O corpo foi encontrado por pescadores, que repassaram a localização aos bombeiros. A aeronave fez um sobrevoo e confirmou a posição da vítima, indicando o local para que os bombeiros pudessem fazer o resgate com o bote inflável.

Segundo a porta-voz do Corpo de Bombeiros do Verão Consciente 2020/2021, tenente Ana Paula Inácio de Oliveira Zanlorenzzi, os banhistas devem entrar no mar somente nos pontos onde há Guarda-Vidas.

Colaboração PMPR