Sogro mata genro a pauladas na região de Maringá

O homem disse que havia recebido “ordens do além” para matar a vítima

No início da noite desta segunda-feira (5), na cidade de Pitangueiras, a 60 quilômetros de Maringá, um homem identificado como Jean Carlos, de 36 anos, foi brutalmente assassinado pelo próprio sogro.

Jean foi ferido com golpes de madeira na cabeça, e morreu na hora. De acordo com as informações, a vítima trabalhava em uma loja de móveis, na cidade de Sabáudia, e havia acabado de chegar na residência.

O homem teria ido até um dos quartos do imóvel para descansar. Minutos depois, ele foi surpreendido pelo sogro, que segurava em uma das mãos um pedaço de pau. Ele teve a cabeça totalmente desfigurada pela violência dos golpes.

O socorro chegou a ser acionado, porém a vítima já estava em óbito. O sogro foi preso em flagrante por um policial militar da reserva. Na sequência, uma equipe da PM conduziu o autor do crime até a delegacia de Polícia Civil da cidade de Astorga, para serem tomadas as providências cabíveis.  O homem disse que havia recebido “ordens do além” para matar o genro. Ele pegou uma bíblia, colocou ao lado do genro e na sequência desferiu os golpes. A vítima era pai de três crianças.

Veja mais detalhes do caso na reportagem do Maringá Urgente desta terça-feira (6):