Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Anice Gazzaoui sai da prisão e toma posse em Foz do Iguaçu

A vereadora Anice Nagib Gazzoui (PTN) toma posse na Câmara Municipal de Vereadores neste momento em Foz do Iguaçu.

A Câmara de Vereadores está de portas fechadas. A reportagem do Massa News está no local, mas não foi permitida a entrada da imprensa. Há uma viatura da PM aos fundos, no estacionamento do prédio.

De acordo com informações fornecidas por um segurança da Câmara, a vereadora chegou por volta das 14h, em uma viatura da Polícia, no banco de trás, sem algemas.

Atualização

Após as 15h, a parlamentar saiu do prédio em uma viatura da Polícia, sendo transportada de volta à sala do 14º Batalhão da Polícia Militar (BPM), onde está presa em uma sala de Estado Maior, benefício garantido por lei para advogados.

Em entrevista à imprensa após a saída de sua cliente, o advogado Elias Mattar Assad confirmou a assinatura. “Ela tomou posse. Temos a certidão, na presença de servidores. Agora, vamos à Justiça para fazermos um comunicado de que não havia secretário e nem presidente no momento em que ela chegou aqui”.

O advogado também informou que sua cliente se declara inocente. “Agora deve-se ouvir a voz da defesa. Eles [os denunciantes] apontaram terceiros, mas palavra de delator sem provas não tem validade jurídica”. Os esclarecimentos na esfera penal, conforme ele, serão feitos a partir de agora.

Veja o momento em que Anice sai de viatura da Câmara e assista à entrevista com seu advogado:


Outros vereadores

A Justiça autorizou mais três  vereadores reeleitos em Foz do Iguaçu, presos preventivamente na sexta fase da Operação Pecúlio, a tomarem posse de seus mandatos.  A decisão é da juíza Juliana Arantes Zanin Vieira, da Vara da Corregedoria dos Presídios de Foz do Iguaçu, expedida nesta terça-feira (10).

Darci DRM, Edílio Dall’Agnol e Queiroga poderão sair da unidade 1 da Penitenciária Estadual de Foz do Iguaçu (PEF) para assinar o termo de posse. “O requente foi eleito por voto popular e não há qualquer impeditivo legal de que o detento seja escoltado até a Câmara Municipal de Foz do Iguaçu”, justifica a magistrada no documento de ambos.

Sendo assim, os dois poderão sair temporariamente da cadeia, ir até a Câmara e retornar para o estabelecimento penitenciário. Tudo deve ser feito mediante escolta da Polícia Federal (PF).

Apesar dessas autorizações, os três vereadores ainda não tomaram posse, até a publicação desta reportagem.

Colaboração: Márcio Falcão/Rede Massa.


Anice Gazzaoui sai da prisão e toma posse em Foz do Iguaçu