Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Campanha em defesa de Lula será lançada no dia 10 em São Paulo

Em evento na Casa de Portugal, em São Paulo, marcado para dia 10, às 18h30, será lançada a campanha "Por um Brasil justo pra todos e pra Lula", que abrirá um manifesto para coleta de assinaturas em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na mesma direção, intelectuais reunidos nesta segunda, 31, na casa do escritor Fernando Morais fizeram o primeiro encontro do grupo que deve acompanhar as ações do Ministério Público (MP), da Polícia Federal (PF) e da Justiça contra Lula.

Ambas as iniciativas têm o objetivo de defender publicamente o ex-presidente, réu e investigado em processos no âmbito da Operação Lava Jato. "O objetivo da campanha é iniciar um amplo movimento por todo País, e também no exterior, com eventos e manifestações contra as perseguições ao ex-presidente Lula e em defesa da democracia", afirma texto divulgado pelo PT. Representantes negam motivações eleitorais e qualquer relação com o revés que o PT sofreu nas urnas em 2016 ou com os boatos de prisão do líder do PT.

Segundo o ex-ministro Gilberto Carvalho, um dos principais quadros do partido, a campanha em defesa de Lula terá dois eixos: a informação e a mobilização. Ele diz que ela já vinha sendo pensada há um mês, o que afasta a possibilidade de influências eleitorais, segundo ele.

"O objetivo é divulgar estudos de impacto com linguagem popular e montar comitês de mobilização nos diretórios de partidos aliados, sindicatos e organizações, com materiais periódicos que possam ser distribuídos online e na rua pela nossa militância", conta Carvalho. "A ideia é também mobilizar o povo contra a PEC 241, agora PEC 55, que vai limitar os gastos sociais em saúde e educação."