Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Defesa apresenta atestado e Galdino não comparece em audiência da Comissão Processante

(Foto: CMC) - Galdino apresenta atestado e não comparece em audiência
(Foto: CMC)

A oitiva do vereador Professor Galdino (PSDB), no caso em que ele é acusado de agressão contra a Vereadora Carla Pimentel (PSC), que estava marcada para a tarde de sexta-feira (11) não aconteceu. A ausência do vereador foi justificada pela advogada de defesa que apresentou um atestado médico. De acordo com Miriam Bispo Cardoso Carvalho, o atestado afasta o vereador das atividades por 14 dias. “Ele realmente não está em condições, o vereador não consegue conversar. Ele não está conseguindo falar sobre o assunto, está tendo diversas dificuldades, está realmente doente. Não é o objetivo dele se furtar do procedimento”, argumentou.

Diante da situação, a Comissão Processante decidiu enviar ofícios ao Setor de Medicina e Saúde Ocupacional da Câmara e à médica responsável pelo atestado, para pedir pareceres se o afastamento impediria Galdino de depor. Será dado o prazo de cinco dias úteis para as respostas, a partir da data de recebimento. “Com isso faremos uma nova reunião. Se for comprovado que ele poderia estar presente vamos encerrar as oitivas. Caso contrário, será agendada uma nova data para ouvir o acusado”, disse o presidente, Tico Kuzma (Pros).

Colaboração CMC