Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Moro autoriza adesão de oito executivos à leniência da Carioca Engenharia

O juiz federal Sérgio Moro autorizou, a pedido do Ministério Público Federal, a extensão do acordo de leniência da Carioca Engenharia a oito executivos da empreiteira. O acordo impôs à Carioca e a seus donos, Ricardo Pernambuco e Ricardo Pernambuco Junior, multa de R$ 100 milhões. À empreiteira, R$ 10 milhões, e a cada um dos executivos, R$ 45 milhões.

Os executivos da carioca engenharia que entraram no acordo de leniência:

- Alberto Elísio Vilaça Gomes que ocupou o cargo de Diretor da Carioca Christiani

- Albuíno Cunha de Azevedo Júnior foi empregado da empresa entre os anos de 2011 e 2014

- Alexandre Açakura é empregado da Carioca Christiani Nielsen desde 2001

- Álvaro José Monnerat Côrtes é Diretor Estatutário Operacional da Carioca

Christiani Nielsen há aproximadamente dez anos, mas já é empregado da leniente há cerca de trinta anos

- Eduardo Backheuser é Diretor da Carioca Christiani

- Luiz Fernando Santos Reis que ocupou o cargo de Diretor da Carioca Christiani Nielsen até o ano de 2012

- Roberto José Teixeira Gonçalves ocupou o cargo de Diretor da Carioca Christiani Nielsen

- Tania Maria Silva Fontenelle foi conselheira da Carioca Christiani Nielsen até 2015

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo