Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

PT deve ficar com Direitos Humanos e Desenvolvimento Regional

O líder da minoria no Senado, Humberto Costa (PT-PE), afirmou que o PT deve ficar com a presidência das comissões de Direitos Humanos (CDH) e de Desenvolvimento Regional (CDR). Costa participou nesta terça-feira, 14, da reunião de líderes partidários da Casa para definir a pauta de votações da semana e a distribuição dos colegiados, de acordo com a tese de proporcionalidade.

Durante o encontro, os senadores discutiram a necessidade de apressar as indicações para a instalação dos colegiados. "A maior parte dos líderes já escolheu os integrantes, mas ainda estão discutindo", declarou Costa. O PT tentava negociar o comando da Comissão de Relações Exteriores (CRE) e de Assuntos Sociais (CAS). O petista, porém, disse que o partido foi "atropelado" pela legendas governistas, que têm maioria.

Para a pauta desta terça-feira, no plenário, os parlamentares concordaram em votar apenas a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que regulamenta a prática da vaquejada. "Há grande maioria favorável a essa proposta", avaliou. Ele considera que a PEC pode ser votada em caráter terminativo ainda nesta terça, dependendo da disposição dos senadores.

O petista considera que a atividade, proibida no ano passado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), tem "relevância cultural e econômica", especialmente para o Nordeste. "Em não havendo agressão ao animal, (a vaquejada) pode ser feita sem maiores problemas", avaliou. Caso seja aprovada no plenário, a PEC irá reverter o entendimento do Supremo sobre o assunto.

Para amanhã, os senadores concordaram em votar projetos para desburocratizar os serviços públicos.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo