Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Temer chega para reunião do Cone Sul que tratará de segurança nas fronteiras

O presidente Michel Temer chegou por volta das 15h desta quarta-feira, 16, ao Palácio Itamaraty para participar de Reunião do Cone Sul sobre segurança nas fronteiras. Além dos ministros da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, do ministro da Defesa, Raul Jungmann, do ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, Sergio Etchegoyen, e do ministro das Relações Exteriores, José Serra, participaram os ministros responsáveis pelo tema na Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai.

De acordo com informações do Itamaraty, a discussão deve se concentrar em ações conjuntas de enfrentamento ao crime organizado nas fronteiras. O objetivo será a definição de parâmetros para intensificar o contato direto entre as agências de segurança, aduana e inteligência dos países do Cone Sul. Há previsão de uma fala do presidente na reunião. Os ministros estão reunidos desde cedo e devem dar uma coletiva sobre as conversas no fim do dia.

Agenda

Após o encontro, Temer retorna ao Palácio do Planalto e segue recebendo senadores. A primeira agenda após a reunião do Cone Sul é com o senador Acir Gurgacz (PDT-RO). Na sequência, tem reunião com o Senador Otto Alencar (PSD-BA).

Às 17h, Temer recebe Luis Alberto Moreno, Presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID. Às 17h30, o presidente tem agendada uma reunião com o senador Vicentinho Alves (PR-TO). Às 19h, Temer tem encontro com o presidente Global da BRF, Pedro de Andrade Faria.

Às 20h, Temer vai ao Palácio da Alvorada onde realiza um jantar com senadores da base aliada, no esforço de manter o cronograma da PEC que limita o teto dos gastos, que o governo quer aprovar nos dia 29 de novembro e 13 de dezembro.