Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Trio que vai concorrer ao cargo de ouvidor será definido nesta segunda-feira

(Foto: Chico Camargo / CMC) - Trio que vai concorrer ao cargo de ouvidor será definido nesta segunda
(Foto: Chico Camargo / CMC)

Serão definidos nesta segunda-feira (5) os três candidatos que vão concorrer ao cargo de ouvidor de Curitiba. A decisão será tomada pela comissão eleitoral e depois o trio será sabatinado pelos vereadores.

Concorrem ao cargo 23, dos 25 inscritos, dos quais três serão escolhidos por votação aberta na comissão. Entre os requisitos aos candidatos estão “notório conhecimento de administração pública, idoneidade moral e reputação ilibada”. 

As candidaturas do vereador Pedro Paulo (PDT) e do secretário municipal do Trabalho e Emprego, Fernando Guedes, chegaram a ser contestadas com o registro de pedidos de impugnação, mas elas foram mantidas pela comissão eleitoral.

O ouvidor será responsável por receber o contato da população, como reclamações, denúncias, dúvidas e elogios, e dar seguimento às solicitações, em busca de soluções para as demandas. O mandato é de dois anos e é possível se candidatar uma única vez consecutiva. O subsídio é de R$ 17.767,62.

Conheça os candidatos ao cargo de ouvidor:

  • Alessandro Baum tem 38 anos e é analista de projetos do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Formado em Administração, tem pós-graduação em Contabilidade pública e Responsabilidade Fiscal. É brasileiro e mora em Curitiba.
  • Ana Luiza Sampaio Guedes Nocente tem 42 anos e informou possuir certificação profissional de ouvidora pela Febraban (Federação Brasileira de Bancos) desde 2011. Atuou nessa área do banco Itaú por 21 meses. Nunca exerceu cargo público. Tem curso superior de Administração com ênfase em Marketing. É brasileira e reside em Curitiba.
  • Andreia Azevedo de Lima Wada tem 40 anos e graduações em Medicina Veterinária e Direito. É especialista em Gestão da Qualidade e Vigilância Sanitária em Alimentos e em Clínica Médica de Pequenos Animais. Informou nunca ter sido detentora de cargo público. Brasileira, reside em Curitiba.
  • Carlos Alberto da Costa Macedo tem 49 anos. Atualmente trabalha como assessor técnico da governadoria da Comec (Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba). Formado em Ciências Econômicas, tem MBA Executivo em Direção Estratégica. É brasileiro e mora em Curitiba.
  • Cibele Karan dos Santos Bond tem 67 anos e é administradora de empresas com especialização em Desenvolvimento Regional. Atua como assessora parlamentar do vereador Tito Zeglin (PDT) e foi servidora da Secretaria de Estado do Planejamento e da Prefeitura de Curitiba. Brasileira, reside em Curitiba.
  • Clóvis Augusto Veiga da Costa tem 47 anos. É o atual ouvidor de Curitiba, cargo que exerce desde 2015, e concorre à reeleição. Formado em Direito, tem mestrado em Direito do Estado. É brasileiro, residente em Curitiba.
  • Cristiane Bariato Andrade Fontes, de 47 anos, é assessora do gabinete do vereador Jairo Marcelino (PSD). Formada em Administração, é mestranda em Gestão do Conhecimento e tem especialização em Administração Pública. Brasileira, reside em Curitiba.
  • Dalton José Borba tem 51 anos. É formado em Direito, com mestrado em Direito do Estado. Declarou nunca ter sido detentor de cargo público, emprego ou mandato eletivo no país. É professor de Direito Constitucional há 17 anos no Unicuritiba. É brasileiro e mora em Curitiba.
  • Dalva Maciel tem 47 anos e já foi assessora do gabinete do ex-vereador João Claudio Derosso. Tem o Ensino Médio completo e é brasileira, residente em Curitiba.
  • Fernando Mauro Nascimento Guedes tem 51 anos e é formado em Engenharia Florestal. Atualmente é secretário municipal do Trabalho e Emprego e coordenador de Relações com a Comunidade da Prefeitura Municipal de Curitiba. Brasileiro, reside em Curitiba.
  • Gustavo de Pauli Athayde, de 32 anos, é advogado e economista. É pós-graduado em Gestão Empresarial com ênfase em Novos Negócios e Negócios Internacionais. Declarou não ter exercido cargo público. Brasileiro, mora em Curitiba.
  • Juliana Helena Pamplona tem 32 anos, é graduada em Ciências Biológicas e tem mestrado em Toxicologia Ambiental. Trabalhou no Incra, Ministério Público do Paraná e nas prefeituras de Cubatão e Campo Magro. Brasileira, mora em Curitiba.
  • Luiz Carlos Betenheuser Junior tem 47 anos. É funcionário público desde 1992 e está lotado na Fundação de Ação Social. Formado em Administração, tem especialização em Gestão Administrativa e Tributária. É ex-conselheiro municipal de assistência social e ex-conselheiro do Ippuc. Brasileiro, reside em Curitiba.
  • Luiz Reichmann Filho tem 60 anos. É formado em Arquitetura e Urbanismo e declarou não ter sido detentor de cargo público. Brasileiro, mora em Curitiba.
  • Mauricio de Oliveira Pinheiro tem 44 anos. Formado em Administração de Empresas com MBA e especializado em Liderança e Administração de Conflitos, diz que atuou como mediador entre empresas e e governos estaduais, federais e municipais. Declarou não ter exercido cargo público. Brasileiro, mora em Curitiba.
  • Maurício de Santa Cruz Arruda tem 42 anos. É diretor de Inteligência da Guarda Municipal de Curitiba, da qual foi ouvidor. Já foi assessor parlamentar da Assembleia Legislativa do Paraná e do Senado. Também foi assessor técnico da Prefeitura de Curitiba. Formado em Direito, tem especialização em Gestão de Segurança Pública, Direito Penal e Criminologia. Entrou na lista tríplice da última eleição à Ouvidoria. Brasileiro, reside em Curitiba.
  • Neemias Portela tem 50 anos. Foi assessor de gabinete na Câmara Municipal, coordenador de gestores da Regional Cajuru e Conselheiro do Fundo de Habitação. Tem Ensino Médio completo e graduação em Gestão de Negócios incompleto. Brasileiro, reside em Curitiba.
  • Orlando Cardoso Silveira tem 61 anos e é policial militar aposentado como primeiro-sargento. É advogado e especialista em Direito e Processo Penal. Brasileiro, reside em Curitiba.
  • Pedro Paulo Costa tem 49 anos e é vereador de Curitiba há três mandatos. Primeiro-secretário da Câmara Municipal, é graduado em Ciências Sociais e formado no Magistério com especialização em Educação Infantil. É coordenador do Fórum Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente. Brasileiro, reside em Curitiba.
  • Ricardo Rodrigues Ribeiro tem 44 anos. É auditor fiscal de tributos municipais de Curitiba e foi sargento do Exército. Formado em Direito, tem especialização em Administração Pública. Brasileiro, reside em São José dos Pinhais.
  • Ricardo Tadao Ynoue tem 36 anos. É bacharel em Direito e Ciências Contábeis e procurador jurídico da Câmara Municipal de Curitiba. Já trabalhou como assistente parlamentar na Câmara, como coordenador da Assessoria Jurídica da Secretaria e Estado da Criança e da Juventude e assessor jurídico da Procuradoria Geral do Estado do Rio Grande do Sul. Brasileiro, reside em Curitiba.
  • Tarso Cabral Violin tem 42 anos. Advogado, é especialista em Direito Administrativo, mestre em Direito do Estado e doutorando em Políticas Públicas. Como servidor público, declarou já ter sido diretor jurídico da Celepar e assessor jurídico de outros órgãos. É professor universitário de Direito Administrativo. Brasileiro, reside em Curitiba.
  • Waldemar José Teodoro tem 51 anos. Formado em Gestão Pública, é especialista em Administração Pública e Gerência de Cidades. Servidor da Prefeitura de Curitiba, é agente administrativo no Departamento de Cadastro Técnico da Secretaria Municipal do Urbanismo (SMU). Brasileiro, reside em Curitiba.

Colaboração Câmara Municipal de Curitiba