Durante o mês de maio, pontos turísticos recebem iluminação amarela

Amarelo para atenção e advertência. Este é o significado da cor que simboliza a preocupação com as mortes e acidentes graves no trânsito e que dá nome ao movimento mundial Maio Amarelo. Portanto, até o fim do mês, essa será a cor de iluminação de alguns pontos turísticos de Curitiba, como a estufa do Jardim Botânico, a torre do cronômetro do Parque Náutico, o Portal Polonês na Rua Mateus Leme e a Casa do Japão (pagode) na Praça do Japão.

A ação faz parte da estratégia da Secretaria Municipal de Defesa Social e Trânsito para chamar a atenção dos motoristas, motociclistas, pedestres e ciclistas durante o mês de conscientização. Pelo segundo ano foram feitas as adaptações necessárias dos tradicionais eventos das edições anteriores do Maio Amarelo para meios virtuais.

“Ao longo de todo o mês teremos conteúdos educativos, em posts e em vídeos, a serem disseminados pelas redes sociais. Faremos, ainda, duas transmissões ao vivo, nos dias 6 e 27 de maio, para debater temas relevantes para um trânsito mais seguro”, ressalta o secretário municipal de Defesa Social e Trânsito, Péricles de Matos.

As lives serão transmitidas pelo Youtube da Prefeitura de Curitiba. O site do Trânsito também estará com novo layout.

“Durante todo o mês, o site ficará na cor amarela, com conteúdo específico remetendo ao movimento Maio Amarelo”, destaca a superintendente de Trânsito, Rosangela Battistella.

Além disso, a equipe da Escola Pública de Trânsito (EPTran) também deve participar de ações integradas com outros órgãos do Comitê Trânsito Seguro durante o mês.

Campanha Maio Amarelo

Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para redução de acidentes de trânsito, em uma ação coordenada entre o poder público e a sociedade civil. Na edição 2021, o lema é “Respeito. Pratique no trânsito”.

A intenção é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para, efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

Em 11 de maio de 2011, a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito. Com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações que o mundo inteiro realiza.

Informações da Prefeitura de Curitiba