3 dicas para manter duchas e chuveiros sempre limpos e com boa performance

O povo brasileiro é o que mais toma banho no mundo, com uma média de até 12 por semana. E para aproveitar esse momento de maneira segura e relaxante, é preciso cuidar bem das duchas e chuveiros, mantendo-os limpos, aumentando a qualidade do banho. Por isso, Ronaldo Ruas, especialista de processos da Deca, apresenta três dicas que vão deixar esse momento de relaxamento ainda melhor.

A primeira dica serve para quem tem uma ducha ou chuveiro relativamente novos, mas com a saída de água comprometida por leves entupimentos, gotejamentos ou redução parcial do fluxo: primeiro, separe um saco plástico com tamanho adequado para cobrir toda a tampa do chuveiro.

“Adicione algumas gotas de detergente, um copo de vinagre branco e outro de água para diluição dentro deste saco. Com a ajuda de uma fita ou barbante, amarre o saco com a solução na ducha, fazendo com que o líquido entre em total contato com os buraquinhos de saída de água. Dessa maneira, a sujeira e o acúmulo de minerais presentes irão se dissolver. Após algumas horas, retire o saco, ligue o chuveiro e deixe a água quente terminar o trabalho. Pronto! Nada mais de jatos difusos ou pouca água saindo do seu chuveiro”.

A técnica para limpezas mais profundas pede a retirada da parte inferior da peça, que pode ser feita de maneira simples. Ideal para casos em que a manutenção da ducha não é feita há muito tempo e a dica anterior não é mais efetiva.

 “Para começar, reúna meio copo de vinagre branco, meio copo de suco de limão em uma bacia e adicione um ou dois copos água até cobrir a peça – ácidos naturais, como os do limão e do vinagre, ajudam a decompor e eliminar minerais e germes que normalmente se proliferam em ambientes úmidos. Lembre-se de manter a parte removida da ducha ou chuveiro a fim de que fique totalmente submersa na solução. Após uma hora, esfregue os furinhos de saída de água com uma escova macia, similar às de dentes. É possível que, para minerais solidificados há mais tempo, seja necessária a utilização de uma agulha fina para desobstrução total. Enxague e acople novamente a tampa. Por fim, deixe a água quente correr por alguns minutos para finalizar a limpeza”.

Ronaldo dá ainda uma última dica. “Depois da limpeza interna, é hora de deixar a parte externa combinando, da maneira mais simples possível. Pegue um pano limpo e seco, adicione apenas com algumas gotas de álcool 70% ou limpador multiuso de sua preferência. Passe por toda a área do chuveiro, inclusive na mangueira do chuveirinho, quando houver. Em seguida, remova os excessos com um pano úmido, secando posteriormente a superfície com um pano limpo e seco.  O importante é dar atenção aos detalhes e evitar utilizar esponjas e panos abrasivos. Repita o procedimento a cada duas semanas, lembrando sempre de antes efetuar a manutenção e desligar a energia elétrica ou o disjuntor do seu chuveiro no quadro de distribuição, evitando riscos e choques”, finaliza.