Alimentos podem ajudar a controlar a asma; confira algumas receitas

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a asma afeta pelo menos 300 milhões de pessoas pelo mundo. No Brasil, são 6,4 milhões de pacientes acima de 18 anos, segundo o Ministério da Saúde e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os principais sintomas aumentam são falta de ar, tosse constante, chiado ao respirar, desconforto torácico, ansiedade e, eventualmente, infecção na garganta.

O dia 21 de junho marca a luta das pessoas que causam a doença e conscientizar a população a respeito dos seus sintomas e modos de prevenção. Os dados também coincidem com a chegada do inverno, período em que os sintomas se agravam por conta das baixas preços e maior permanência em ambientes fechados.

Embora não tenha cura, a asma pode ser controlado com hábitos saudáveis ​​e uma boa alimentação, segundo a nutricionista do Oba Hortifruti, Renata Guirau. “Podemos controlar a asma através de uma alimentação com perfil antiinflamatório, ou seja, rica em vegetais e ômega-3 e pobre em alimentos ultraprocessados”, diz.

Ela recomenda o consumo diário de, pelo menos, três a cinco porções de frutas, legumes e verduras. “E a ingestão de alimentos como açafrão e gengibre”, ressalta. Entre os alimentos ricos em ômega-3, Renata descascados peixes como o salmão e a sardinha e, também, a semente de linhaça.

Renata, uma vitamina D é um nutriente que vem sendo muito associado ao controle das manifestações do trato respiratório. “Para garantir bons níveis, é necessária a exposição solar por menos 15 minutos diariamente, sem uso de protetor solar, em horário de sol forte (após as 10h e antes das 16h).”

A nutricionista cita, ainda, uma revisão publicada em 2020, que reforça a necessidade do consumo frequente de vegetais e indispensável que pode ser interessante reduzir o consumo de leite e derivados, “embora essa recomendação não consista na literatura científica”.

“É importante falar que manter o peso corporal adequado é fundamental para ajudar no controle da asma, sobretudo dos casos mais graves”, aponta. “Há estudos que mostram que a perda de peso, nos casos de obesidade, pode favorecer a redução no perfil inflamatório do organismo e ajudar no controle do asma, diz.

Um outro estudo publicado em 2021 mostra que, quando como gestantes consomem ômega-3 em quantidade eficiente, ocorre redução no risco de desenvolvimento de asma pela criança.

Renata indica três receitas com alimentos que fornecem a controlar o asma:

Suco de laranja, kiwi e espinafre

Ingredientes

  • 2 kiwis maduros
  • 2 laranjas descascadas
  • 1 xícara de chá de folhas de espinafre
  • 500 ml de água filtrada
  • Gelo a gosto

Modo de Preparo: Bata tudo no liquidificador e beba em seguida, preferencialmente sem coar.

Macarrão com brócolis

Ingredientes

  • 1⁄2 xícara de chá de bacon picadinho
  • 1 brócolis ninja picado
  • 1⁄2 pimentão vermelho picado
  • 500g de macarrão penne cozido
  • 1 colher de sopa de cebola picada
  • 2 dentes de alho amassados
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo: Aqueça o azeite junto com o bacon e deixe fritar. Acrescente o alho e a cebola e refogue bem. Depois, acrescente o brócolis e o pimentão bem picadinhos e deixe refogando em fogo baixo, com uma panela tampada. Acrescente o macarrão previamente cozido quando o brócolis estiver macio. Acerte o sal ea pimenta e sirva em seguida.

Creme de morango com coco

Ingredientes

  • 1 envelope de gelatina sem sabor
  • 1⁄2 xícara de chá de coco ralado
  • 1⁄2 xícara de chá de leite de coco
  • 4 colheres de sopa de mel
  • 1⁄2 xícara de chá de água
  • 1 xícara de chá de morangos picados

Modo de preparo: Prepare uma gelatina conforme instruções da embalagem. Bata no liquidificador a gelatina, o leite de coco, o mel, a água e os morangos. Coloque em taças e leve para gelar. Quando começar a ficar um creme firme, finalizar com o coco ralado por cima de cada taça e volte para a gelar por mais 2 horas antes de servir.