Arte na argila pode ser terapêutica

A arte na argila é uma atividade milenar e pode transformar o barro em diversos objetos como pratos, vasos e esculturas. A artista plástica Maria Cheung trabalha nessa área há 40 anos e explicou sobre todo o processo de esculpir. Segundo ela, é uma técnica bem demorada e que precisa de muita atenção, calma e cuidado. Assim, por necessitar da máxima atenção de quem está realizando a arte, o procedimento se torna terapêutico.

Confira todas as dicas da artista plástica em: