Colorir pode ser muito eficiente para sua saúde mental

Mostrando uma ótima prática de boa saúde mental, o ato de colorir deixou de ser conhecido apenas como uma atividade simples e divertida para crianças, e passou a ser uma ferramenta bastante popular entre os adultos.

Enquanto os livros para colorir infantis contêm ilustrações simples e de personagens de desenhos, os para adultos têm padrões detalhados de flores, artes, mandalas ou animais. Eles estão disponíveis para compra e também é possível imprimir páginas para colorir gratuitamente por meio da Internet. Para as pessoas que preferem uma versão digital, muitos aplicativos com essa atividade estão disponíveis para dispositivos móveis.

Mas o que faz com que as atividades de colorir sejam tão populares entre os adultos? O profissional da Mayo Clinic Joel Bobby  licenciado em psiquiatria e psicologia aponta os motivos:

Colorir pode melhorar a saúde ao:

Promover a atenção plena

Colorir pode ajudar a ser mais atento. A atenção plena é a habilidade de se concentrar e permanecer no momento. Por exemplo, ao se concentrar na escolha da cor e em ficar dentro das linhas, você está pensando apenas agora. Você pode silenciar os ruídos ao seu redor e dar à sua mente o presente de se concentrar apenas nos movimentos, sensações e emoções do momento atual.

Pratique não pensar demais e realizar a tarefa sem criar expectativas, apenas vivenciando o momento. Se a sua mente divagar, o que é normal, volte suavemente para o que está fazendo. Ao colorir, você usa partes do cérebro que melhoram o foco e a concentração. O que torna a atividade uma oportunidade para você se desconectar de pensamentos estressantes.

Aliviar o estresse

Colorir é uma forma saudável de aliviar o stress. Ela acalma o cérebro e ajuda a relaxar o corpo. Isso pode melhorar o sono e a fadiga e diminuir dores no corpo, frequência cardíaca, respiração e sentimentos de depressão e ansiedade.

Embora colorir não seja a cura definitiva para o estresse e a ansiedade, sentar-se para colorir por um longo tempo tem grande valor. Ao colorir, preste atenção ao ritmo da sua respiração, respire de forma firme e completa usando o diafragma e observe sua frequência cardíaca periodicamente, se puder.

Aceitar a imperfeição

Não há maneira certa ou errada de colorir, pois não se trata de uma atividade competitiva, então não há pressão para “aumentar o nível”, ganhar um prêmio ou melhorar seu tempo. Você pode colorir pelo tempo que quiser. Você não precisa terminar um desenho de uma vez só.

Tente se livrar dos julgamentos ou expectativas e curtir a beleza simples de colorir. Não importa se o seu desenho está organizado ou bagunçado. A única coisa que importa é que você se divirta e relaxe enquanto estiver colorindo.

Outras formas de aliviar o estresse

Algumas pessoas não acham que colorir é relaxante ou agradável, especialmente aquelas que não gostavam dessa atividade quando eram crianças e não há o menor problema nisso.

Outras formas divertidas de aliviar o estresse incluem:

  • Passar um tempo com um amigo de quatro patas.

Não é nenhum segredo que os animais de estimação nos alegram. Eles têm amor incondicional, estão sempre felizes em nos ver e são adoráveis. Passe um tempo de qualidade com um animal de estimação, ou seja voluntário em um abrigo para animais, caso você não tenha um.

  • Mergulhe em um livro.

Ler é uma ótima forma de relaxar. Assim como colorir, ler ajuda a se conectar no momento presente e a esquecer o trabalho ou outros fatores estressantes.

  • Massagear os lóbulos das orelhas.

Fazem massagem em pontos de pressão nos lóbulos das orelhas produz uma sensação calmante e relaxante sobre o corpo. Faça isso por alguns minutos e você pode começar a sentir um pouco de alívio.

  • Movimentar-se.

Executar seus melhores passos de dança junto com a sua música favorita pode ser terapêutico para muitas pessoas. Se você dançar durante a maior parte do tempo da música, também pode dizer que praticou um pouco de exercício físico.

  • Respirar profundamente.

Respirar profundamente é uma ótima forma de reduzir a resposta do seu corpo à percepção de ameaças. Inspire pelo nariz por cinco segundos e expire por dois segundos. Em seguida, solte a respiração pela boca por cinco segundos.