Estresse causa mau hálito?

As consequências psicológicas são as mais emblemáticas quando falamos de estresse, mas não é só na mente que o problema deixa marcas severas e que dificultam a vida das pessoas. De acordo com estudo da Associação Internacional de Gerenciamento de Estresse (Isma-BR) feito em 2017, em torno de 70% da população do nosso país sofre com algum efeito colateral, entre eles o mau hálito. Este sintoma pode dificultar ainda mais a socialização, contribuindo para o isolamento e o acúmulo de emoções negativas, podendo levar até à depressão.

Mas não é preciso sofrer com isso para sempre, conforme aponta a cirurgiã dentista Dra. Cláudia C. Gobor, que é especialista no tratamento da halitose, nome dado ao mau cheiro bucal. “O primeiro passo para uma saúde adequada é procurar orientação profissional. O dentista vai tentar entender junto com você quais são as causas deste problema, para daí pensar em caminhos que levem à solução”, comenta a profissional. Após buscar apoio psicológico, o paciente deve também ter em mente que os sintomas precisam ser tratados para não evoluírem em um novo problema.

Após o diálogo e a busca por informações sobre a origem da desordem, a especialista afirma que podem surgir informações sobre qual resposta do corpo está gerando este desconforto: “pode ser a baixa produção salivar, a higiene incompleta da boca, o uso de algum produto que esteja eliminando bactérias boas que fazem o controle das ruins, são variadas as motivações possíveis”, explica Dra. Cláudia. Por isso é importante investir na regularidade do acompanhamento e no apoio especializado.

Tendo uma frequência desta ajuda profissional, seguindo com cautela as recomendações e buscando um equilíbrio também da saúde mental, é possível reverter o quadro e eliminar de vez a barreira entre você e o seu bem estar. É essencial que, para um bom dia a dia e melhores relações sociais, você se sinta bem para conversar, interagir e viver bons momentos. A partir da Bom Hálito Curitiba, a Dra. Cláudia C. Gobor e outros especialistas estão à disposição para te auxiliarem no enfrentamento do problema e na busca por uma vida mais confortável!