Melhores destinos para uma estadia temática de Halloween

Com o Halloween batendo à porta, as pessoas mais corajosas podem reservar uma estadia em localidades horripilantes para celebrar esse dia assustador. Considerando que 72% dos viajantes brasileiros relatam que encontrar aventura e diversão é um incentivo fundamental para a própria viagem* aproveitar as férias em torno de 31 de outubro pode, então, proporcionar momentos horripilantes para as pessoas que são viciadas em adrenalina e emoção.

O viajante pode ficar cara a cara com mortos-vivos, monstros e criaturas assustadoras de todos os cantos do mundo, de múmias no Egito e vampiros sugadores de sangue na Eslováquia a lobisomens na França e fantasmas aqui pertinho em Recife (PE). Se tiver coragem e quiser vivenciar um Halloween inesquecível, explore o submundo e vá para estes 7 destinos fantasmagóricos de arrepiar.

Conheça as assombrosas lendas urbanas de Recife, Brasil

Há quem diga que Recife, em Pernambuco, é a cidade mais assombrada do Brasil. O local, que já acumula quase 500 anos, possui uma mistura cultural de povos indígenas, ibéricos, africanos, entre outras influências. Por ali, muitas tragédias foram registradas num passado histórico que envolve guerras e conflitos, o que, para estudiosos de folclore, justifica a crença das pessoas em lendas urbanas. Nos diversos livros que existem sobre a Recife assombrada, há menções a lugares da cidade que guardam histórias assustadoras, como a Praça Chora Menino. Localizada no bairro da Boa Vista, a área leva esse nome porque era possível ouvir no local as vozes chorosas de crianças mortas no século 19. Outro espaço conhecido é o “Encanta Moça”, no bairro do Pina. Conta a história que uma moça fugiu do marido ciumento e se “encantou” nos mangues da região, tornando-se uma aparição que leva homens a se perderem em meio à folhagem densa e enlameada da beira do rio.

Onde se hospedar: Na hora de dormir e descansar, o viajante merece sossego na cidade. Para isso, dá para se hospedar no Silverton Paiva Experience – Flat em um apartamento com toda a privacidade e conforto que um turista merece.  Há, ainda, uma piscina com vista maravilhosa, que faz qualquer pessoa esquecer os fantasmas e assombrações.

Embarque em uma caça aos fantasmas em Pluckley, Reino Unido

Considerado um dos países mais assombrados do mundo, o Reino Unido é um destino assustador para uma viagem de Halloween. E, de acordo com fontes confiáveis, a vila mais aterrorizante do país é Pluckley, em Kent. Lá, há pelo menos 12 fantasmas que ainda assombram ativamente a região, cuja comunidade existe desde os tempos romanos. Enquanto visitantes podem admirar pomares encantadores e ovelhas que pastam ao longo da pitoresca paisagem campestre inglesa, residentes fantasmagóricos vagam pela cidade. Há o Homem Gritando, que morreu em uma queda, o Professor, que se enforcou, e o Assaltante, que foi preso com uma espada a uma árvore em Fright Corner. Esse lugar é visita obrigatória para qualquer fã do medo que busca fazer contato com o mundo espiritual. Ao visitar a região, há a opção de fazer um passeio a pé histórico por Canterbury para conhecer as origens medievais dessa parte da Inglaterra.

Onde se hospedar: Situado em uma acomodação tombada como patrimônio histórico de Grau 1 e com 9 hectares de parque rural, o Chilston Park Hotel em Lenham já foi lar de políticos e lordes. Com quartos luxuosos, alguns com camas com dossel, o hotel abriga antiguidades que datam do século XVII. A sala de estar tem uma lareira, onde o turista pode se aquecer com uma bebida e tentar encontrar o fantasma do hotel, um criado do século XVIII. Para uma estadia tipicamente inglesa, o viajante pode tomar um café da manhã inglês completo e um chá da tarde na sala de refeições original.

Explore as tumbas das múmias no Vale dos Reis, Egito

Para quem se interessa por múmias, uma viagem ao Vale dos Reis, um dos sítios arqueológicos mais famosos do mundo, é uma obrigação. Localizado à margem do Rio Nilo, em Luxor, o lugar é famoso por ter sido a capital dos faraós no auge do seu poder. Para uma experiência única, uma alternativa é um passeio privativo por Luxor e pelo Vale dos Reis e aproveitar a oportunidade rara de explorar alguns dos pontos turísticos mais importantes do Antigo Egito ainda existentes. Nesse sítio arqueológico egípcio, mais de 60 túmulos dos antigos reis do Egito foram encontrados, incluindo o do próprio Tutancâmon. Mas há uma lenda sobre a maldição dos faraós, pois pouco depois que o túmulo de Tutancâmon foi aberto, vários membros da expedição sofreram mortes prematuras e misteriosas.

Onde se hospedar: Situado nas margens do Nilo, o Hilton Luxor Resort & Spa oferece quartos elegantes com vista panorâmica da beira do rio, luxuosas instalações de spa e piscinas de borda infinita deslumbrantes. O Vale dos Reis fica do outro lado do Nilo. Já os templos de Karnak e de mumificação são ainda mais próximos para quem quiser conhecer a tradição pré-histórica de embalsamar os mortos. O hotel também é uma acomodação participante do programa Viagens Sustentáveis da Booking.com e fornece informações sobre os ecossistemas, o patrimônio e a cultura locais.

Nade com tubarões na Cidade do Cabo, África do Sul

Para quem não acredita no sobrenatural, há uma ótima alternativa: tubarões! A portuária Cidade do Cabo, na costa sudoeste da África do Sul, oferece algumas das melhores experiências de mergulho em gaiola, já que a região conta com uma das maiores populações de tubarões do mundo. É a chance dos corajosos de ver esses animais de perto em um ambiente seguro. Após encontrar essas criaturas assustadoras, os viajantes ainda terão toda a Cidade do Cabo para aproveitar. Essa metrópole vibrante é um ótimo destino para apreciar montanhas, saborear frutos do mar e até mesmo fazer um passeio de observação de baleias em Hermanus.

Onde se hospedar: Localizado no centro de Claremont, o The Andros Boutique Hotel fica a uma curta viagem de carro do centro da Cidade do Cabo e do V&A Waterfront, onde se pode contratar o mergulho em gaiola para observar tubarões. Com jardins em forma de parque, piscina ao ar livre, salão de beleza, academia e sauna, o hóspede pode aproveitar uma estadia de luxo após um dia agitado nas águas. O hotel também é uma acomodação participante do programa Viagens Sustentáveis da Booking.com e oferece culinária preparada com produtos de origem local, além de proibir o uso de plásticos descartáveis. O hotel serve ainda coquetéis preparados na hora na sala de champanhe, onde se pode brindar à coragem em grande estilo antes do jantar.

Vá atrás de vampiros em Cachtice, Eslováquia

Geralmente, as pessoas interessadas em vampiros viajam para a Romênia, onde fica a antiga Transilvânia. Mas em Cachtice, na Eslováquia, o turista encontrará as ruínas do Castelo de Cachtice, que já foi o lar, e mais tarde a prisão, da infame Elizabeth Báthory, conhecida como a Condessa de Sangue. Ela teria contribuído para a história sangrenta do vampirismo, mas sua inocência ou culpa ainda é contestada até hoje, o que torna esse destino perfeito para quem ama mistérios. Embora o castelo seja a atração perfeita para uma viagem de Halloween, a cidade de Cachtice é um destino encantador, cheio de locais históricos e igrejas elegantes. Além disso, dá para embarcar em uma curta viagem de trem para explorar dois dos destinos mais famosos da Eslováquia em um passeio pelos castelos de Trencín e Bojnice.

Onde se hospedar: No centro da cidade de Cachtice, a Palatín é uma hospedagem domiciliar independente a uma curta caminhada do Castelo de Cachtice e de sua história aterrorizante. A acomodação de estilo barroco dispõe de uma escadaria com um grande lustre que vai transportar o viajante de volta no tempo. Trilhas e ciclismo são atividades comuns nos arredores, mas não é recomendado para quem tem medo de vampiros.

Procure lobisomens em Lozère, França

Lobisomens podem ser vistos em todo o mundo, mas eles parecem preferir a França. Um dos casos mais conhecidos é o da Besta de Gévaudan (atual Lozère), que matou dezenas de pessoas no século XVIII, muitas vezes rasgando a garganta da vítima. Os ataques pararam quando um caçador atirou com uma bala de prata em uma criatura não identificada, que pode ou não ter sido um lobisomem. Hoje, Lozère é uma região encantadora no sul da França, famosa e apreciada pelo encantador vilarejo de paralelepípedos de Sainte-Enimie e pelas trilhas que levam a locais românticos, como a igreja medieval românica Notre-Dame de la Carce.

Onde se hospedar: A La ferme de Félix é uma confortável e encantadora casa de hóspedes de tijolos situada em La Chaze-de-Peyre, Lozère. Lá, dá para saborear uma bebida quentinha da máquina de chá e café no quarto, enquanto assiste a um filme de terror na TV para um Halloween assustador. Ou, se preferir, o aventureiro pode procurar um lobisomem de verdade na região. Na lua cheia, é claro.

Veja espíritos em Savannah, Geórgia

 Para quem está em busca de fenômenos paranormais, Savannah, na costa da Geórgia, é bastante conhecida como a cidade mais assombrada dos Estados Unidos. De amantes de coração partido a soldados da guerra civil e piratas, muitos fantasmas já foram vistos em edifícios históricos e cemitérios da região. Provavelmente, muitos dos falecidos habitantes de Savannah não desejam deixar o conforto do sul. Cerca de 77% dos viajantes brasileiros dizem que visitar lugares históricos é um incentivo fundamental para sua próxima viagem*. É interessante reforçar, então, que Savannah é uma cidade cheia de pontos turísticos históricos e espíritos que continuam por perto. A cidade possui belos carvalhos cobertos de musgo espanhol, bem como galerias de arte fantásticas, arquitetura de época e boutiques badaladas. É um destino maravilhoso, bem menos assustador do que parece.

Onde se hospedar: O The Olde Harbour Inn, Historic Inns of Savannah Collection está a uma curta caminhada do centro da cidade, com mais de 90 restaurantes e boutiques, além dos inúmeros fantasmas da cidade georgiana. Decorada com estilo litorâneo e charme do sul, essa acomodação agradável tem vista do Rio Savannah e remonta historicamente a 1812.

*Pesquisa encomendada pela Booking.com e realizada de maneira independente com 48.413 entrevistados em 31 mercados. Para participar dessa pesquisa, as pessoas deveriam ter 18 anos ou mais, terem viajado pelo menos uma vez a trabalho ou lazer nos últimos 12 meses e estarem planejando uma viagem em 2022. Além disso, deveriam ser responsáveis pela decisão ou estarem envolvidas no processo de tomada de decisão da viagem. A pesquisa foi feita on-line e ocorreu em janeiro de 2022.